Domingo, 19 de Maio de 2019
Ensinamentos

Chef Fernando Mattos fala sobre carreira e o sucesso da Alquimia Arte Culinária

Apaixonado por dar vida e sabor aos alimentos que transforma, hoje Fernando é o nome por trás da bem sucedida escola de gastronomia Alquimia Arte Culinária, que há três anos recebe alunos de todas as idades



1176476.JPG
Fotos: Antonio Lima
26/12/2016 às 14:14

Bacharel em Direito, formado em Administração e cursando mestrado em Engenharia. Com um currículo desses fica até difícil imaginar como a carreira do Chef Fernando Mattos o levou as cozinhas. Apaixonado por dar vida e sabor aos alimentos que transforma, hoje Fernando é o nome por trás da bem sucedida escola de gastronomia Alquimia Arte Culinária, que há três anos recebe alunos de todas as idades interessados em aprender um pouco mais sobre os segredos da boa comida. 

A paixão de Fernando por cozinhar vem desde a infância. Ainda aos sete anos de idade, começou a ter os primeiros contatos com a cozinha. Depois que cresceu, não parou mais. “Era um hobby. Cozinho todos os dias. Mesmo quando eu era diretor da Faculdade Martha Falcão, chegava em casa à noite e ia cozinhar. Sempre foi um momento de relaxamento pra mim e era algo que eu queria passar para os outros, isso realmente refletiu na Alquimia”, conta.

A ideia de dar origem à escola de culinária veio depois de cogitar a criação de um curso universitário na área. Após fazer uma pesquisa de mercado, Fernando achou mais interessante criar uma escola sem a obrigação da teoria, algo mais prático e voltado para um público que quisesse aprender a cozinhar, seja por diversão ou por necessidade. 

O plano deu certo. Hoje, o chef especula que ao longo dos três anos de atividade da escola, cerca de dois mil alunos tenham passado pelas suas orientações. Uma delas é a empresária Suzi Lopes, 41, que atualmente faz seu segundo curso no local. “Eu estou fazendo curso de culinária básica, são quatro semanas e já estou na última. O curso é muito bom por que você fala em culinária básica e pensa que vem pra cá aprender só o simples, mas você aprende outros ingredientes mais refinados, misturas, combinações que nem passavam pela tua cabeça e que ficam maravilhosas. Fora que o ambiente aqui é incrível”, explica a empresária.

Aulas
O BEM VIVER foi acompanhar de perto uma das aulas. Cerca de oito alunos dividiram uma bancada repleta de ingredientes especiais para o curso de comidas de Fim de ano, oferecido desde o ano passado e que em 2016 conseguiu formar mais de uma turma.

No cardápio, chester recheado com cuscuz natalino – uma receita do chef com cuscuz, cenoura, nozes, passas, milho e ervilha, temperados com algumas especiarias desenvolvidas pela casa. De sobremesa, rabanada, pudim de panetone e pavê de chocotone. 

Hoje a escola oferece uma infinidade de cursos que vão da culinária básica à avançada, passando por confeitaria, gastronomia italiana e até técnica para restaurantes. Com programações mensais, os cursos acontecem geralmente nas terças, quartas e quintas, com aulas esporádicas também as segundas, sextas e sábados. “Na Alquimia, o aluno escolhe o prato que quer aprender”, explica Fernando.
O agendamento das aulas pode ser feito pela página da escola no facebook ou pelo site alquimiaculinaria.com.br.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.