Segunda-feira, 23 de Setembro de 2019
Filmes para mulheres

Ciclo de filmes aborda violência contra a mulher

O Cine & Vídeo Tarumã exibe produções que enfocam condição feminina na semana Internacional da Mulher



1.jpg " Amor?", produção do brasileiro João Jardim, é uma das atrações do ciclo do Cine & Vídeo Tarumã
04/03/2013 às 10:04

O Cine & Vídeo Tarumã apresenta uma programação especial na semana em que é comemorado o Dia Internacional da Mulher, com o tema “A condição da mulher em debate”. Para comemorar a data, serão exibidos filmes que abordam o tema de exploração e violência contra a mulher para aumentar a conscientização da violência contra a mulher, principalmente doméstica. As sessões são gratuitas e acontecem na segunda(4), quarta(6) e sexta-feira(8), sempre às 12h30, no Auditório Rio Negro do Instituto de Ciências Humanas e Letras, Setor Norte do Campus da Ufam.

A programação abre hoje com o filme “A fonte das mulheres”, do diretor Romeno Radu Mihaikeanu. Num vilarejo entre o Norte da África e o Oriente Médio, uma das mulheres mais jovens e alfabetizadas do grupo resolve mudar uma das tradições do lugar, que dita que as mulheres sejam responsáveis por buscar água num local distante e de difícil acesso, enquanto os homens apenas bebem e conversam. Ela orienta as demais a fazerem greve de sexo, o que provoca uma revolução cultural no povoado. O filme foi indicado à Palma de Ouro no Festival de Cannes e exibido no Amazonas Film Festival.

Na quarta, dia 6, é a vez do filme “Flor do deserto”, da diretora americana Shelly Hormann. O filme conta a história da modelo Waris Dirie, que nasceu na Somália. Aos 13 anos, ela atravessou o deserto para fugir de um casamento arranjado. Tempos mais tarde, ela é descoberta por um fotógrafo famoso, mas apesar da vida de sucesso como modelo, ainda tem lembranças assustadoras da infância.

Fechando a semana, na sexta-feira, dia 8, será reproduzido o filme “Amor?”, do diretor brasileiro João Jardim. O filme que mistura a estrutura de um documentário com ficção, trata de relações amorosas que envolvem alguma forma de violência.

Atrizes e atores interpretam o depoimento sincero de oito pessoas (escolhidas de um total de 60 depoimentos de homens e mulheres) que viveram situações que envolvem ciúmes, culpa, paixão e poder. A produção ganhou o prêmio de Melhor Filme (Júri Popular) no Festival de Brasília e foi indicada a Melhor Música no Grande Prêmio Cinema Brasil.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.