Domingo, 23 de Janeiro de 2022
Cinema

Clássicos de terror e fantasia são relembrados na véspera do Dia das Bruxas, em Manaus

Amantes do cinema listam quais as produções - relacionadas direta ou indiretamente ao Halloween - que mais o impactaram



b0130-4r_ajustar_ombro_dir_A9A406A4-3D5F-4796-BC55-BCF5E5628592.jpg 'Abracadabra I' é a escolha do jornalista Gabriel Machado (Foto: Reprodução)
30/10/2021 às 12:34

O Halloween pode ser comemorado de várias formas, afinal, nem só de doces e travessuras vivem os adeptos da data comemorativa mais horripilante do ano. Há quem aproveite este domingo – o Dia das Bruxas – para assistir a um bom filme ou série de terror, sejam eles os clássicos que nunca saem de moda como a franquia de ‘Halloween’, ou produções atuais que nada deixam a desejar. O BEM VIVER TV entrevistou fãs de conteúdos audiovisuais dentro dessa temática e reuniu dicas de arrepiar. Confira:

Halloween III 



A dica de filme número um é de um apaixonado por produções de terror, o assistente social e cinéfilo Jorge Faria. Ele sempre assistiu aos clássicos com a mãe, que também curte muito o gênero e, desta vez, indicou o filme da franquia ‘Halloween’, mais precisamente o terceiro – ‘A Noite das Bruxas’ (1982).

 “A proposta dele [do filme] é bem legal. Esse é o único filme da franquia que não tem o Michael Myers. É uma história diferente, porque eles iam fazer uma antologia, só que não deu certo com esse filme. A história é que, no Dia das Bruxas, uma empresa está vendendo máscaras de Halloween para as crianças, mas por detrás disso, tem a questão de que eles querem usar as máscaras para dominar a população. A partir do momento em que colocam a máscara, começam a acontecer coisas estranhas. É uma história de terror bem absurda, mas bem divertida”, destaca Jorge.

O Estranho Mundo de Jack

A próxima sugestão é do editor-chefe do Cine Set - site amazonense especializado em cinema – Caio Pimenta. Ele indicou a animação ‘O Estranho Mundo de Jack’ (1993), com roteiro e argumento de Tim Burton, e direção de Henry Selick ("Coraline"). 

“A história brinca com o próprio Dia das Bruxas ao mostrar um protagonista cansado de passar o ano todo organizado o Halloween e acaba indo fazer o Natal, trocando de lugar com o Papai Noel. Além da ideia que é ótima, a concepção visual dos personagens remetendo ao expressionismo alemão transmite um jogo de temor pela figura distorcida e, ao mesmo tempo, de empatia com um ser que não é necessariamente mau - algo típico da carreira do Burton”, explica Pimenta. “[A história] consegue abordar as duas festas tradicionais muito bem, cada uma com seus elementos visuais e marcas tradicionais, oferece pequenos sustos e momentos de empatia”, acrescenta.

Uma Noite Alucinante 

Os clássicos sempre tem um lugarzinho especial no coração dos cinéfilos de plantão. ‘Uma Noite Alucinante’ (1981) é a indicação do ‘social media’ e amante do cinema, Walter Franco. Embora não tenha uma ligação direta com a tradição do Halloween, o filme de terror é uma ótima opção para quem quer assistir algo bem ‘trash’. 

“Pra mim ele vira um filme de Halloween, porque era um filme que eu gostava muito quando criança, me lembra muito essa época. E é um filme que, por mais ‘trasheira’ que seja, você consegue ainda reunir amigos ou família até pra se assustar e se entreter numa noite de cinema”, comenta ele.

A história é bem genérica: um grupo de amigos vão se divertir em uma cabana isolada, e encontram um livro amaldiçoado que não deveriam ler, mas acabam lendo. A partir disso, dá tudo errado. “Eu acho um filme legal de terror porque ele é bem despreocupado em ser muito realista. Entrega sangue, nojeira de um jeito que te deixa bem chocado (risos), mas sem perder muito o foco do filme”, relata.

Abracadabra 

Para fechar a lista com chave de ouro, e não menos importante, o jornalista e cinéfilo Gabriel Machado indicou uma assustadora comédia: ‘Abracadabra I’ (1993). O filme é dirigido por Kenny Ortega, e conta a história de três bruxas do século XVII, que chegam ao século XX após seus espíritos serem evocados no Dia das Bruxas.

“O filme conta a história das irmãs bruxas, que após serem mortas na época da caça às bruxas de Salém, elas retornam para o mundo atual – na época, em 1993 – e precisam completar uma missão para que continuem na terra, se não voltam para o inferno. Eu acho genial, pois além de ser ambientado numa noite de Halloween, é um filme que envelheceu super bem. É um filme que, não só eu, mas vários amigos, todo ano, quando vamos maratonar os filmes de Halloween, a gente tem que colocar esse no topo da lista”, finaliza Gabriel Machado.

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.