Quarta-feira, 22 de Janeiro de 2020
Réveillon

Com muito samba, cerca de 1,4 mil turistas desembarcam em Manaus para dar boas-vindas ao Ano Novo

Atual temporada de cruzeiros fecha o ano de 2019 com a vinda de quase 7 mil visitantes em cinco navios



Viking_Sea_Janailton_Falc_o__5__FFB8E440-E1E1-4970-A865-3AF825CC96CB.jpeg Foto: Janailton Falcão/Amazonastur
31/12/2019 às 17:33

O quinto navio de cruzeiro da Temporada 2019/2020, o M/S Viking Sea, aportou em Manaus, nesta quarta-feira (31), com aproximadamente 1,4 mil turistas (grande maioria de norte-americanos e canadenses), entre cruzeiristas e tripulantes, que escolheram a capital para ver a chegada no Ano Novo. No Porto de Manaus, os excursionistas foram recebidos ao som dos sambas-enredos inesquecíveis executados pelos ritmistas da escola de samba Reino Unido da Liberdade.

A apresentação foi promovida pela Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur), no Porto de Manaus. De acordo com a presidente da Amazonastur, Roselene Medeiros, a atual temporada, que tem a previsão de atrair para a capital mais de 20 mil turistas durante a passagem de 16 navios, fecha o ano de 2019 com a vinda de quase 7 mil visitantes em cinco cruzeiros.



“Estamos encerrando o ano recebendo esses turistas com a bateria da escola de samba para alegrar os visitantes que vêm nos prestigiar. A temporada 2019/2020 foi maravilhosa. Estamos chegando ao fim de 2019 com o quinto navio. Ainda temos muitos navios a receber, sendo mais 11 em 2020, e a gente só tem a agradecer por esse momento. Foram mais de 7 mil turistas em cinco navios, e em 2020, vamos receber mais 11 cruzeiros, com mais de 15 mil pessoas”, comentou a presidente.

Roselene Medeiros informou que as baterias das escolas de samba e os passistas momescos integrarão o receptivo dos cruzeiristas até o Carnaval. “Vamos estar aqui até o Carnaval recebendo os turistas com as baterias das escolas de samba, e depois voltaremos com o boi-bumbá, que é a maior expressão da cultura amazonense”, disse Roselene.

Aquecendo a economia

Segundo Roselene Medeiros, a vinda de turistas de cruzeiro para o Amazonas movimenta mais de 50 segmentos da economia. “Na hora em que recebemos um navio deste tamanho, com quase 1,4 mil turistas, a economia é movimentada. Os visitantes gastam em média 77 dólares na sua passagem por Manaus e Parintins. Isso dá um incremento na nossa economia, porque mexe em várias atividades”, finalizou a presidente.

O M/S Viking Sea, de bandeira das Bahamas, antes de chegar em Manaus, passou por Parintins, onde os turistas puderam conhecer um pouco da cultura do boi-bumbá. A embarcação retorna com mais turistas no dia 1º de março de 2020.

Além da apresentação da bateria Furiosa, da Reino Unido, os cruzeiristas receberam material informativo dos atrativos turísticos de Manaus e brindes, da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult).

Mais temporada

A Temporada 2019/2020 segue a partir do dia 25 de janeiro, com a vinda de quase 2 mil turistas a bordo do M/S Magellan. Para o próximo ano, são previstas as chegadas de mais 11 cruzeiros.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.