Quarta-feira, 25 de Novembro de 2020
Buzz

Com vitória judicial, UOL comemora volta da cobertura do 'BBB' 14

Portal garantiu na Justiça o direito de exibir conteúdo sobre o Big Brother Brasil 14 aos seus internautas, após ser contestado pela emissora Globo



1.jpg Mães dos brothers vão passar uma semana na casa do ‘BBB 14’
21/03/2014 às 23:39

Nesta semana, a Globo pediu à Justiça do Rio de Janeiro que o UOL fosse barrado de "explorar" de maneira não autorizada o conteúdo do Big Brother Brasil, que é protegido por direitos autorais. O caso ocasionou o impedimento de cobertura do site sobre assunto elacionados ao reality show. Nesta quinta-feira (20), o portal conseguiu vetar a determinação. "A decisão saiu em 2ª instância através de despacho assinado pela Desembargadora Leila Albuquerque, da 18ª Câmara Cível", disse o texto publicado no site.

Para a Globo, a ação não teve como objetivo impedir o site de produzir matérias jornalísticas sobre o programa. Em comunicado, a emissora disse que o UOL "publicou site exclusivo para a exploração do programa, com venda de espaço publicitário, diversas semelhanças, no padrão de navegação, ícones, aplicativos e nos conteúdos, com a página oficial do programa, além de realizar enquetes, votações paralelas simultâneas e comercialização de segunda tela, ferindo diversos artigos da lei de direito autoral (9.610/98) e da lei de propriedade intelectual (9.279/96)".



O despacho que devolveu ao UOL o direito de cobrir o programa da Globo afirma que a liminar foi suspensa por considerar que o site sempre reportou informações do BBB "sem qualquer impugnação judicial e qualquer prejuízo à Rede Globo de Televisão". Até então, a proibição incluía, também, o Bol, Zip.net, aplicativos para celular e portal móvel do UOL. As páginas que falam sobre o BBB nestes sites estão no ar novamente com notícias atualizadas sobre a atração.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.