Publicidade
Entretenimento
PARÓQUIA

Comunidade de Santo Antônio divulga programação festiva para o mês de junho

Programação do dia 13 de junho terá celebração, reza do terço, procissão e missa. Após a missa acontece o arraial e leilão do bolo de Santo Antônio 11/06/2018 às 18:55
Show 34258652 2029749077066905 897431857426071552 n
acritica.com Manaus (AM)

O mês de junho é um dos meses mais festivos e aguardados do ano, festas juninas, comidas típicas danças e a comemoração de três grandes santos: Santo Antônio, São João e São Pedro, fazem com que o mês fique recheado de muitas programações. 

A comunidade de Santo Antônio da Paróquia de Santo Antônio celebra mais uma vez a festa de seu padroeiro. São seis comunidades urbanas que compõe a paróquia: (Santo Antônio, São Felipe, São Pedro, Santa Clara, sagrado Coração de Jesus e Sagrada Família), na Área Missionária de Nossa Senhora dos Navegantes do Tupé, a paróquia é responsável pelas comunidades: (Divino Espírito Santo, Sant’Ana, São José, São João e Nossa Senhora Aparecida).

Conhecido como o santo casamenteiro e santo das causas impossíveis, muitos fiéis buscam as igrejas que festejam Santo Antônio. Para aqueles que não podem ir até Borba onde é tradicionalmente festejado, procuram a Comunidade que fica no bairro onde também leva o nome do santo. 

Programação do dia 13 de Junho

Celebração às 6h30
Reza do terço às 16h30 
Procissão às 17h
Missa às 18h

Após a Santa Missa acontece a última noite de arraial e o leilão do bolo de Santo Antônio que ano passado foi comprado por R$ 6mil, além do super bingo com premiação de R$ 3mil e sorteio de brindes aos que prestigiarem ao arraial.

O pão de Santo Antônio

Antônio comovia-se tanto com a pobreza que, certa vez, distribuiu aos pobres todo o pão do convento em que vivia. O frade padeiro ficou em apuros, quando, na hora da refeição, percebeu que os frades não tinham o que comer: os pães tinham sido roubados. Foi contar ao santo o ocorrido e este mandou que verificasse melhor o lugar em que os tinha deixado. O Irmão padeiro voltou estupefato e alegre: os cestos transbordavam de pão, tanto que foram distribuídos aos frades e aos pobres do convento.

Todos os dias, ao final da celebração que ocorre junto ao trezenário, é feita a distribuição de pães aos fiéis.

Publicidade
Publicidade