Publicidade
Entretenimento
COMIDA

Concurso ‘Comida Di Buteco’ volta a Manaus com 16 restaurantes a partir de 13 de abril

Este ano o tema é livre, sem ingredientes obrigatórios, e nenhum petisco poderá custar mais que R$ 25,90 21/03/2018 às 16:38
Show ok
Foto: Divulgação
acritica.com

O maior concurso de cozinha de raiz, o “Comida di Buteco”, já tem data marcada. O evento, que é nacional, inicia em 13 de abril em Manaus e segue até 6 de maio. Na última terça-feira (20) aconteceu o lançamento oficial do concurso no Les Artistes Café Teatro. A capital do Amazonas vai ter um total de 16 restaurantes na disputa nesta edição.

Na ocasião, esteve pela primeira vez em Manaus a diretora e uma das fundadoras do concurso, Maria Eulália Araújo. Presente também, o coordenador do evento, Jeferson Guimarães, apresentou todas as etapas, critérios e novidades do “Comida di Buteco”.

“Estamos em uma das cidades mais ricas, em termos de cozinha, do Brasil. Essa variedade múltipla é, sem dúvidas, um grande diferencial. Hoje o concurso é o meio, a finalidade do acontecimento é uma transformação social que acontece de dentro da cozinha, mas transforma a vida do dono do bar e até do funcionário porque aumenta o fluxo de pessoas que visitam o estabelecimento”, destacou Maria Eulália.

Durante a apresentação, o coordenador enfatizou uma nova forma de atrair o público a partir de um modelo de novo negócio dentro da empresa, com o objetivo de fidelizar os clientes que frequentam os botecos para que estes possam frequentar o espaço o ano inteiro.

Este ano o tema é livre, sem ingredientes obrigatórios, e nenhum petisco poderá custar mais que R$ 25,90. O dono do bar precisa trabalhar no local e não pode pertencer à rede ou franquia. Também são julgados o tempo de casa e se o petisco é feito no boteco. Em Manaus, a final do concurso será no Les Artistes Café Teatro, em 6 de junho, às 19h. O campeão nacional vai ser revelado em julho.

O concurso

O concurso, na 19ª edição, acontece simultaneamente em 21 cidades do país e em Manaus conta com o apoio da Prefeitura de Manaus, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult). Este é o oitavo ano que Manaus participa do concurso e a cidade de Florianópolis estreia na rota.

Dos 16 botecos que participarão na capital amazonense, nove são estreantes. Entre eles o “Bar da Monique”, na Praça do Caranguejo, na Zona Centro-Sul. O bar aposta no petisco “Caranguejo Toc-toc”, que deu nome à praça ao longo dos seus 35 anos de funcionamento. Para Flávia Andrade, uma das responsáveis do “Bar da Monique”, o concurso ajuda a dar visibilidade ao estabelecimento.

“Nossa visão na participação pela primeira vez no concurso é de oportunidade na interação com colegas do ramo e mostrar também que podemos alcançar novos horizontes, além do petisco e cerveja gelada que já é tradição do bar”.

Origem

O “Comida di Buteco” surgiu na Rádio Gerais, localizada na cidade de Belo Horizonte, com o objetivo de estimular e resgatar a criatividade dos petiscos dos bares que estavam tornando-se monótonos. Com o crescimento, em 2015 o concurso já tinha atingido 100% das regiões do Brasil.

Publicidade
Publicidade