Publicidade
Entretenimento
DICAS

Confira quatro feiras alternativas para visitar com a família em Manaus

O crescimento da economia criativa estimulou o surgimento das feiras urbanas alternativas em Manaus. A prática já se consolidou como uma atração à parte no lazer manauara 02/11/2017 às 17:41
Show feira 30
No dia 5, a A Fuá, no Parque Dez, abre o mês de novembro com o tema Cidades (Foto: Divulgação)
Juan Gabriel Manaus (AM)

Foi-se o tempo em que ir à feira era apenas sinônimo de ir atrás de verduras e legumes a preços bons. No lugar dos vegetais, quadros, artesanatos e até food trucks dão o toque que marcam as chamadas feiras urbanas alternativas. Realizadas esporadicamente – cada uma adota um calendário próprio -, trazem quase sempre um mesmo propósito: movimentar a economia criativa e dar espaço aos pequenos empreendedores. A prática já se consolidou como uma atração à parte no lazer manauara e o BEM VIVER listou quatro delas que você não pode deixar de visitar.

FUÁ

Neste domingo (5), a Feira Urbana Alternativa (FUÁ) acontece na Fundação Amazonas Sustentável, localizada no Parque 10. O evento, organizado pela CasaCinco, acontece mensalmente e tem como objetivo difundir os ideais de sustentabilidade através de atividades socioeducacionais, além de promover um ambiente cultural que reúne arte, design, exposições, palestras, gastronomia e, é claro, feira criativa.

Na edição que abre o mês de novembro, a feira traz o tema “Cidades”. “A ideia do tema é trabalhar com cidades para todos e aí nós trabalhamos também com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU, que envolvem questões de infraestrutura sustentável. Também aproveitamos o tema por novembro ser o mês do arquiteto”, explica Laelia Nogueira, uma das organizadoras da feira. O Fuá acontece das 9h às 19h e tem entrada gratuita.

Feira do Paço

O Centro Histórico de Manaus ganha mais vida todo penúltimo domingo do mês quando acontece a Feira do Paço. O projeto de ocupação cultural reúne no entorno da Praça Dom Pedro II o melhor da gastronomia local, além de expositores e diversas atrações musicais. Este mês, a feira de rua acontece no dia 12 e homenageará o artista plástico amazonense Moacir Andrade, trazendo uma exposição com obras do artista. O início do evento está previsto para  16h, com entrada franca.

Florarte

Com um ano de existência recém-completado e indo para sua sexta edição, a Florarte vem despontando entre as mais prestigiadas feiras urbanas da cidade. Segundo a idealizadora, Isis Rebelo, o projeto visa não só a divulgar o mercado de pequenos empreendedores, como promover trocas de experiências e novas parcerias.

“Esse formato de feira está sendo muito visto e tendo aceitação do público. É um local onde você consegue ter acesso a lojas online fisicamente. Noventa por cento das lojas que participam não têm espaço físico, então é uma forma de o empreendedor levar seu trabalho até o cliente ou do cliente que já tinha interesse no produto ir até lá e ver pessoalmente”, explica a organizadora.

A Florarte não possui calendário fixo – ora é realizada bimestralmente, ora mensalmente. “Procuramos não fazer em datas que já vão ter outros eventos, para que todos os expositores tenham um resultado”, explica Isis. Em sua última edição, realizada na área externa do restaurante Bodega da Vila, situado na Avenida Maceió, o evento reuniu artesanato, gastronomia e até tatuagens. O próximo evento acontece em dezembro, ainda sem data definida, com tema natalino.

Feira do Mindu

Os mais de 40 hectares que concentram a fauna e flora do mais tradicional parque ecológico de Manaus serão palco da nona edição da Feira Criativa do Mindu, marcada para o proximo dia 18. A feira, que acontece mensalmente das 8h às 12h e tem entrada gratuita, foi projetada especialmente para o parque como uma alternativa de integrar a comunidade a artesanatos, floriculturas e outros expositores.

“O parque por si só reúne várias atrações no sábado e a feira acaba se tornando mais uma opção dentro daquele espaço. Os visitantes podem praticar yoga e realizar trilhas na mata”, explica Amanda Guimarães, idealizadora do evento.

Publicidade
Publicidade