Publicidade
Entretenimento
Vida

Disney/Pixar lança esperado ‘Universidade Monstros’

Nova animação da parceria mostra como os personagens Mike e Sullivan se tornaram melhores amigos 21/06/2013 às 12:29
Show 1
Longa original conta novamente com as vozes de Billy Crystal, John Goodman e Helen Mirren
Gabriela Simionato ---

Na animação “Monstros S.A.”, lançada em 2001, os personagens Mike e Sullivan chamaram a atenção por sua amizade e cumplicidade. Pensando nisso, a Disney e a Pixar apostam agora na sequência “Universidade Monstros”, que chega hoje aos cinemas de todo o mundo.

A animação fala sobre como Sullivan (no original, dublado por John Goodman) e Mike (dublado por Billy Cristal) se conheceram na escola de susto, na Universidade Monstros. Enquanto Mike sempre sonhou em se tornar um assustador - criatura que tem como função gerar energia para o mundo dos monstros, por meio de gritos das crianças humanas -, Sullivan se apoia na fama de seus pais, assustadores conceituados.

INIMIGOS

Para a surpresa dos fãs de “Monstros S.A.”, o filme mostra que Mike e Sullivan não eram amigos, no início. Afinal, Mike, o nerd da sala, não gosta do comportamento arrogante de Sullivan. Depois de uma terrível briga, os dois são expulsos da universidade pela reitora Hardscrabble (no original, dublada por Helen Mirren).

Para tentar reverter a situação, Mike aposta com a reitora que, se vencer um concurso que elege os monstros mais assustadores, poderá voltar à escola. O problema é que, para competir, ele terá de montar uma equipe com um grupo de alunos que não têm nada de assustador. O reforço vem exatamente de Sullivan, que precisa dar continuidade ao legado de sua família. A dupla decide, então, colocar as diferenças de lado, iniciando a parceria que tanto encantou o público no passado, com o mega sucesso “Monstros S.A.”

Estreia como dublador

O cantor, compositor e multi-instrumentista Michel Teló, dono de hits como “Ai, se eu te pego” e “Humilde residência”, fez sua estreia como dublador na animação “Universidade Monstro”.

No longa-metragem, o músico emprestará a voz a um monstro cantor, que contracena com os protagonistas: Mike e Sullivan.

“Foi uma participação pequenininha, até porque a gente estava na correria. Se fosse uma coisa que levasse muito tempo, aí ia ser difícil de participar. Foi uma participação rápida de um monstrinho que está cantando na universidade”, comentou Teló.

Publicidade
Publicidade