Publicidade
Entretenimento
Vida

Diva da e-music, Lorena Simpson faz show inédito em Manaus

Amazonense é o grande destaque da festa ‘Sweet nothing’, que será realizada nesta sexta-feira (17), no República Real 17/10/2014 às 09:32
Show 1
Nas palavras de Lorena Simpson, “o show de hoje é para quem gosta de dançar”
Gabriel Machado Manaus-AM

Depois de rodar o Brasil com a “To the ground tour”, a cantora amazonense Lorena Simpson está de volta à capital com show inédito. Grande atração da festa “Sweet nothing”, onde divide os holofotes com DJ Feeling, ela brinda os fãs manauaras com uma extensão de sua antiga turnê, intitulada “To the ground: re-up”. Nela, a diva da música eletrônica usa e abusa de uma superprodução, com direito a bailarinos, cenário colorido e interação audiovisual. “Estou trazendo o meu show completo”, adianta Lorena, em entrevista exclusiva ao BEM VIVER. A apresentação acontece hoje, a partir das 23h, no República Real (Av. Djalma Batista).

Essa é a primeira vez que a cantora consegue trazer o novo formato de show a Manaus. Em outras ocasiões, ela se apresentava numa versão pocket, com performances que duravam cerca de 30 minutos. “É somente meu terceiro show nesse formato e estou muito feliz com o resultado. A ‘Sweet nothing’ se esforçou ao máximo e conseguiu trazer o que tenho de melhor em minhas apresentações”, conta Lorena. “São poucos os lugares reais que conseguem comportar esse formato, pois exige um palco para cinco pessoas e um telão de alta qualidade, para que passe tudo da melhor maneira possível”, explica.

No repertório da “To the ground: re-up”, a cantora conseguiu incluir a maioria dos seus sucessos - com exceção de “Feel da funk” e “Jump up”. “Coloquei (no show), literalmente, minhas músicas mais conhecidas”, pontua ela, referindo-se aos hinos “Can’t stop loving you” e “Breathe again” e às atuais “This moment” e “To the ground” (clipe oficial no QR code desta página), que dá nome à turnê. “Também incluí ‘It’s time’, uma canção que está no meu EP e que não lancei como single, mas tem tudo a ver com o show”, completa. Além das músicas autorais de trabalho, Lorena também interpretará hits de Iggy Azalea, David Guetta e Wanessa.

DE VOLTA À ‘TERRINHA’

Em Manaus desde a última segunda-feira, Lorena Simpson confessa que a vontade é “de sempre ficar mais”. “Nunca dá para ver todo mundo, até por isso pretendo retornar no final do ano”, diz a cantora que, amanhã, já segue com a turnê para São José do Rio Preto, interior de São Paulo. Depois, ela passa ainda pela capital paulista e por Campinas. “A última vez que vim (a Manaus) foi há dois anos. Gostaria de vir mais, porque eu amo a cidade, adoro ver meus amigos e comer tambaqui. Quando venho, como tambaqui todo dia (risos)”, revela Lorena, que, atualmente, mora no Rio de Janeiro. “Quando estamos na nossa terra, aproveitamos em todos os sentidos. Eu saí, mas a raiz ainda está aqui”.

NOVOS PROJETOS

Paralelamente aos shows da turnê, Lorena Simpson já começou a trabalhar no novo disco, que, segundo ela, mostrará uma “transição de estilo, puxando mais para o pop”. “Na verdade, essa transformação já está acontecendo. Quando lancei ‘To the ground’, alguns sites especializados a classificaram como uma ‘batida freak pop’, porque ela é uma mistura de tudo, tem eletrônica, funk e pop”, ilustra. “Nesse CD, quero gravar músicas em vários estilos de pop, inclusive em português, já em fase de composição. Estou trabalhando o disco com calma, pois o foco agora são os shows. Mas já tenho um material gravado”, encerra. Ainda sem data definida para chegar às lojas do País, o álbum de Lorena Simpson será lançado no ano que vem.

Serviço

O que é: festa “Sweet nothing”, com DJ Feeling e Lorena Simpson. Warm up Omã Freire Ft. Peter Abreu (#teamPopsicle)

Quando: hoje, às 23hOnde: República Real - Av. Djalma Batista

Ingressos: R$ 50 (estudante) e R$ 80 (Vip)Info.: (92) 8276-3301

Publicidade
Publicidade