Publicidade
Entretenimento
SHOW

‘Dream - o musical’ surpreende o público em estreia no Teatro Amazonas

Com roteiro de autoria da própria cantora, “Dream” envolveu a participação de 25 artistas, entre músicos, atores e bailarinos 25/06/2017 às 15:10 - Atualizado em 25/06/2017 às 15:40
Show marcela
(Foto: Divulgação/Assessoria)
acritica.com Manaus (AM)

O espetáculo “Dream - o musical”, apresentado neste sábado (24), em Manaus, no Teatro Amazonas, surpreendeu o público que foi conferir a estreia da cantora Marcella Bártholo (The Voice Kids Brasil), na carreira profissional. Nas duas sessões - 17h e 20h - os fãs formaram filas depois do espetáculo, para fazer fotos e cumprimentar a artista, que tem apenas 15 anos, mas mostrou no palco uma versatilidade que encantou a plateia - cantando, dançando e atuando.

"Foi um espetáculo lindo, sem dúvida", disse o secretário estadual de Cultura, Robério Braga, presente na sessão das 20h. O humorista Márcio Braga, que assistiu na sessão das 17h, fez questão de postar suas impressões sobre o show, nas redes sociais. "Eu tenho a honra de presenciar, neste momento, no ilustre Teatro Amazonas, o maior marco de um novo momento na história da arte amazonense. O Brasil ganhou um 'pequeno rouxinol', nascido com asas para voar sem limites para os grandes palcos", registrou.

Com roteiro de autoria da própria cantora, “Dream” envolveu a participação de 25 artistas, entre músicos, atores e bailarinos. No setlist, Marcella apresentou 18 músicas, dentre elas, “I put a spell on you” (Annie Lennox) e “That's my girl” (Fiffith Harmony), que marcaram a participação dela no reality da TV Globo. Vários momentos arrancaram aplausos efusivos do público. Um deles foi quando interpretou “Aleluia” (Hallelujah - Leonard Cohen) e quando apareceu a la Beyoncé, de botas e muito brilho, fazendo um pot-pourri com “Crazy in love”, “Say my name” e “Halo”.

O espetáculo foi resultado de uma superprodução, com músicos de primeira linha e uma coreografia de tirar o fôlego. A direção geral foi de Marcellus Campêlo, com Matheus Sabbá na direção artística, Mardson Campêlo na direção musical, Marcos Apolo na direção de cenografia e Bruno Athayde na coreografia.

*Com informações da assessoria

Publicidade
Publicidade