Quarta-feira, 20 de Novembro de 2019
Buzz

Em ‘Amor à Vida’, Bruno denuncia Paloma por cárcere privado

Bruno decide ouvir os conselhos de uma advogada e aceita a proposta de denunciar a pediatra por cárcere privado



1.jpg Em ‘Amor à Vida’, Bruno denuncia Paloma por cárcere privado
13/06/2013 às 12:17

De acordo com a colunista Patricia Kogut,  depois de ser acusado por Paloma (Paolla Oliveira) de ter comprado Paulinha (Klara Castanho), Bruno (Malvino Salvador) decidirá se proteger. Nos próximos capítulos de "Amor à vida", ele, Glauce (Leona Cavalli) e Ordália (Eliane Giardini) ouvirão os conselhos de uma advogada e aceitarão a proposta de denunciar a pediatra por cárcere privado.

A obstetra irá atrás de Bruno avisar que Joana (Bel Kutner) está procurando o prontuário de Luana (Gabriela Duarte). Ela terá uma grande surpresa ao ouvir o corretor contar que Paloma já sabe de tudo.



- Eu queria ter contado tudo pra Paloma. Só esperei por sua causa, Glauce, porque você me pediu.

- Você esquece que a minha carreira, minha licença pra exercer medicina, tá tudo em jogo. Se descobrirem que fiz um prontuário falso, atestando que a Paulinha nasceu no hospital, eu estou ferrada.

Glauce dirá que Perséfone (Fabiana Karla) também corre o risco de perder o emprego e o direito de exercer a profissão. Ela ainda alertará Ordália (Eliane Giardini).

- A senhora acha que a Paloma e a família dela vão ter um pingo de dó se desconfiarem que a senhora ajudou a fingir que a menina nasceu lá? E o Bruno vai ser preso. Você tá estudando direito, Bruno, sabe que é crime registrar uma criança que não é sua. Você tinha que ter avisado as autoridades.

A tensão aumentará e Glauce chegará a duvidar que Bruno encontrou mesmo a menina numa caçamba de lixo. Para evitar mais desgastes, a médica marcará um encontro com a advogada no apartamento do corretor. A especialista dirá para eles negarem tudo, mas o estudante perguntará como isso será possível, já que a pediatra fez um teste de DNA.

- Um teste de DNA feito às ocultas. Sem você saber. Até esse teste nós vamos contestar. Nós vamos exigir que a Paloma devolva a Paulinha. Pra mim, já é causa ganha. Mas é preciso traçar uma estratégia. Provavelmente vocês duas vão ser interrogadas pela direção do hospital. Vão querer saber o que aconteceu. A senhora pode dizer que não estava presente no parto.

Glauce lembrará que muita gente viu Ordália na sala de cirurgia e achará melhor a enfermeira confirmar tudo. Ela também testemunhará dizendo que a menina, de fato, nasceu no Hospital San Magno.

- E a Paulinha? Quando a minha filha volta pra casa?

- A Paloma tá com a menina ilegalmente. Eu vou entrar com uma denúncia de cárcere privado. Mas não posso te dar um prazo. A Justiça às vezes não é tão rápida quanto a gente gostaria.

Bruno dirá que seria melhor conversar com Paloma, mas Glauce não deixará. O corretor, então, aceitará seguir os conselhos da advogada.

 



Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.