Sábado, 27 de Fevereiro de 2021
PREMIAÇÃO

Emmy é confirmado para setembro com Jimmy Kimmel como apresentador

A ABC, da Walt Disney, não deu detalhes de como a cerimônia de entrega dos principais prêmios da televisão será produzida em uma época na qual a pandemia do coronavírus tem forçado o cancelamento de vários eventos ao vivo



MARIO_ANZUONI_7E8F715D-4314-4921-8EE2-59A23366BDED.JPG Foto: Mario Anzuoni
17/06/2020 às 13:41

A entrega dos prêmios Emmy para a televisão, um dos maiores eventos do calendário do showbusiness, irá ocorrer em setembro conforme planejado, com Jimmy Kimmel como apresentador, informou a emissora ABC ontem (16). 

A ABC, da Walt Disney, não deu detalhes de como a cerimônia de entrega dos principais prêmios da televisão será produzida em uma época na qual a pandemia do coronavírus tem forçado o cancelamento de vários eventos ao vivo.



“Não sei onde faremos isso ou como faremos isso ou mesmo por que estamos fazendo isso, mas estamos fazendo e estou apresentando”, disse Kimmel em comunicado sobre o evento marcado para 20 de setembro.

O Emmy Awards geralmente é realizado ao vivo em Los Angeles, diante de um público de estrelas e precedido pelo tapete vermelho. Não estava claro se a cerimônia iria adiante neste ano, em razão das restrições a grandes concentrações e exigências de distanciamento social.

O comunicado desta terça-feira informou que detalhes de como a premiação será produzida serão anunciados em breve. Os cenários em consideração incluem um evento completamente virtual ou uma combinação de elementos presenciais, trechos pré-gravados e aparições online, de acordo com a publicação Variety, que acompanha os bastidores de Hollywood.

A epidemia do coronavírus interrompeu a produção de programas de televisão e filmes em todo o mundo em meados de março e levou ao cancelamento de festivais de cinema e apresentações ao vivo.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.