Publicidade
Entretenimento
Vida

Espetáculo de dança Viva La Zona ganha novas apresentações neste sábado e domingo (28 e 1º)

Viva La Zona é um espetáculo de dança contemporânea composto por 6 bailarinas e focado em aspectos atuais da realidade urbana de Manaus 26/02/2015 às 18:10
Show 1
O espetáculo é apresentado pelo Núcleo de Dança Artrupe
ACRITICA.COM Manaus (AM)

Depois de mais um de ano de ensaios, o espetáculo Viva La Zona, de Hamyle Nobre, volta aos palcos de Manaus, neste sábado (28) e domingo (1º), no Espaço das Cias, localizado na rua Dona Libânia, 330, Centro, próximo ao Bar do Armando.

O trabalho é uma realização da Artrupe Produções e foi contemplado pelo Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna 2013, e pelo Prêmio Dança na Cidade 2013, da Manauscult. 

Viva La Zona é um espetáculo de dança contemporânea composto por 6 bailarinas e focado em aspectos atuais da realidade urbana de Manaus. As consequências que a modernidade traz para o cotidiano e a identidade do homem amazônico são os elementos primordiais da construção do espetáculo, e a partir disso, o trabalho utiliza-se de elementos do movimento hip hop, cada vez mais estabelecido em Manaus, para construir a sua visualidade, e assim cria um contraste com o ponto de vista estereotipado do estilo de vida amazônico e de suas manifestações culturais. 

Hamyle Nobre, responsável por toda a concepção artística do espetáculo, conta de que maneira teve a ideia de tratar sobre este assunto. “Acho que a investigação partiu da minha vivência na cidade mesmo. A partir de quando observei essas questões relacionadas à temática do espetáculo, apurei o olhar e percebi que tudo estava ao redor, não precisei ir muito longe pra fazer essa investigação. O centro da cidade (onde eu moro) é um mix cultural, repleto de “contradições” e a gente pode perceber muito bem a influência da modernidade nas expressões culturais”, explica. 

A diretora ainda disse que Viva La Zona busca apresentar uma investigação contemporânea para a dança amazonense: “Grande parte dos espetáculos de dança de temáticas regionais, produzidos aqui na cidade, são focados na cultura indígena ou cabocla. Isso me instigou a trazer um olhar contemporâneo da realidade amazônica e retratar o homem urbano-amazônico”, concluiu.

Serviço

O que é? Espetáculo Viva La Zona

Quando é? Dias 28 de fevereiro e 1º de março, com sessões às 19h e 20h30

Onde é? Espaço das Cias, localizado na rua D. Libânia, 330, Centro, próximo ao Bar do Armando

Quanto é? R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)


Publicidade
Publicidade