Publicidade
Entretenimento
'TOP TEN'

Estadão elege Alter do Chão como um dos melhores destinos para 2019

O prêmio é promovido há seis anos pelo caderno Viagem. Escolha do distrito paraense que fica próximo a Santarém foi feita por 32 jurados e inclui outros destinos como Peru, Croácia, Japão e o Ceará 27/12/2018 às 14:22
Show alter do ch    par  d060ac17 e9ce 4477 b671 09c0d912e3a0
acritica.com Manaus

Para quem está planejando as próximas férias uma boa opção é Alter do Chão, no Pará. O distrito, que fica localizado a cerca de 30 quilômetros do município de Santarém, foi eleito um dos 10 melhores destinos para visitar em 2019. O prêmio é promovido há seis anos pelo caderno Viagem, do jornal O Estado de São Paulo.

Ao todos 32 jurados, entre blogueiros, colunistas do caderno, influenciadores, artistas, empresários da área de turismo e viajantes escolheram os melhores destinos nacionais e internacionais de 2019. Com 25 votos, o Peru foi o grande vencedor, seguido da Croácia e da cidade do Porto, em Portugal, ambos com 22 pontos. Também aparecem na lista os Lençóis Maranhenses, Japão, Islândia, Sudeste Asiático, Alter do Chão, Egito e Ceará.

A especialista de Marketing da MAP Linhas Aéreas, Luciana Marques, ressalta que essa não é a primeira vez que Alter do Chão aparece na lista de melhores destinos. Em 2009, o jornal The Guardian elegeu as praias da localidade como as melhores do Brasil.

Para Luciana, as belas praias de água doce são o grande atrativo de Alter do Chão. No local, os visitantes podem experimentar a culinária tradicional do Pará, conhecer bares que oferecem shows de carimbó, ritmo típico do estado, e contemplar o belo por do sol em frente ao rio Tapajós. 

Entre os pratos mais procurados pelos visitantes estão aqueles feitos à base de peixes, como o tucunaré e tambaqui, além do pato no tucupi e maniçoba.

No período do carnaval, Alter realiza a tradicional festa ‘Mela Mela’, uma brincadeira em que os foliões sujam uns aos outros com amido de milho e espuma. Em setembro, acontece o Sairé. A festa conta com ritos religiosos, além da disputa folclórica entre os botos Tucuxi e Cor de Rosa.

Serviço – Os visitantes podem chegar até Alter do Chão em embarcações fretadas na orla de Santarém. O acesso por via fluvial leva cerca de 3 horas, pelo rio Tapajós. Os voos da MAP de Manaus para Santarém saem às terças-feiras, quintas-feiras e domingos.

 

Publicidade
Publicidade