Publicidade
Entretenimento
Vida

Festival de Cannes: 'La vie d'Adele' leva Palma de Ouro

O longa-metragem francês do franco-tunisiano Abdellatif Kechiche, conquistou o prêmio máximo no festival 27/05/2013 às 12:32
Show 1
O filme, classificado como “sensação do festival” após a sua exibição, narra o despertar sexual e a paixão lésbica de uma adolescente por uma jovem de cabelos azuis
Gabriel Machado Manaus, AM

Como muitos críticos já previam, o longa francês “La vie d’Adele”, do diretor franco-tunisiano Abdellatif Kechiche, foi o grande vencedor da Palma de Ouro, premiação máxima do tradicional Festival de Cannes, na França. O anúncio foi feito na tarde de ontem pelo júri da edição, liderado por ninguém menos que Steven Spielberg.

O filme, classificado como “sensação do festival” após a sua exibição, narra o despertar sexual e a paixão lésbica de uma adolescente por uma jovem de cabelos azuis. “Nós nos sentimos privilegiados de assistir a esse filme, e não incomodados. É a história de um amor profundo, magnífico. O diretor usou uma narrativa ousada. Ficamos encantados com o filme e com as atrizes formidáveis. Kechiche permitiu que as personagens realmente ganhassem vida”, elogiou Spielberg.

Estrelado por Adèle Exarchopoulos e Léa Seydoux, “La vie d’Adele” já teve os direitos vendidos para um distribuidor americano e recebeu o título de “Blue is the warmest colour”.

Mais destaques

Apesar da consagração, não foi apenas a película francesa que deixou boas impressões em Cannes. Novo trabalho dos irmãos Coen, “Inside Llewyn Davis” também agradou a Spielberg e cia. e levou para casa o Grand Prix.

Outros destaques do festival ficaram por conta de “Bling Ring: A gangue de Hollywood”, de Sofia Coppola e com Emma Watson; “Only God forgives”, novo do galã Ryan Gosling; “As I lay dying”, estreia na direção de James Franco; e “Behind the candelabra”, produção para a televisão de Steven Soderbergh que mostrar Michael Douglas e Matt Damon vivendo uma relação amorosa na tela.

Decepção

Grande aposta para o festival, “O grande Gatsby” falhou em empolgar a plateia e foi considerado o grande fiasco de Cannes. Comandado por Baz Luhrmann, o longa é baseado no romance de F. Scott Fitzgerald e conta no elenco com Leonardo DiCaprio, Carey Mulligan e  Tobey Maguire.

Destaques do Festival de Cannes 2013

“Inside Llewyn Davis” fala sobre um cantor folk interpretado por Oscar Isaac e é co-estrelado por Carey Mulligan e Justin Timberlake. “Bling Ring” conta a história de um grupo de jovens que se aventura invadindo casas de celebridades – entre eles, a ex-Hermione Granger, Emma Watson. “O grande Gatsby” dá uma pegada mais pop ao clássico da literatura americana. Por fim, “Only God forgives”, com Ryan Gosling, é promessa de muita violência e sexo.

Premiação


Palma de Ouro: “La vie d’Adele”, de Abdellatif Kechiche

Grand Prix: “Inside Llewyn Davis”, dos irmãos Coen

Melhor diretor: “Heli”, de Amat Escalante

Câmera de Ouro (Para diretores estreantes): “Ilo Ilo”, de Anthony Chen

Melhor ator: Bruce Dern, de “Nebraska”

Melhor atriz: Bérénice Bejo, de “Le passé”

Melhor roteiro: Jia Zhangke, de “A touch of sin”

Prêmio do júri: “Like father, like son”, de Hirokazu Kore-Eda

Palma de Ouro de melhor curta-metragem: “Safe”, de Moon Byoung-Gon



Publicidade
Publicidade