Publicidade
Entretenimento
Vida

Histórias clássicas da literatura infantil ganham toques de papel e neon nos palcos de Manaus

Companhia Trilhares apresenta "O Pequeno Príncipe", neste fim de semana, e "No País das Maravilhas", no dia 14, em sessões às 17h no Teatro Manauara 05/11/2015 às 21:25
Show 1
"O Pequeno Príncipe" incorpora a luz negra no cenário
ROSIEL MENDONÇA Manaus (AM)

Iluminação, cenários e figurinos inovadores fazem parte das adaptações que a Companhia Trilhares, de Manaus, preparou para os clássicos da literatura universal, “O Pequeno Príncipe” e “Alice no País das Maravilhas”. As peças entram em cartaz neste mês, no Teatro Manauara, com sessões sempre às 17h e ingressos a R$ 30 (meia) que podem ser adquiridos na bilheteria do teatro e pelo site www.ingresse.com.

O primeiro espetáculo, adaptado da história de Antoine de Saint-Exupéry sobre um princepezinho que habita um asteroide, será apresentado neste sábado e domingo, dias 7 e 8. Já a peça “No País das Maravilhas”, inspirada no livro de Lewis Carroll, será apresentada no mesmo local no dia 14 de novembro. 

Segundo a produtora cultural da companhia, Rafaela Margarido, “O Pequeno Príncipe” é um espetáculo novo no qual os artistas vêm trabalhando há seis meses, entre leituras da obra original, concepção e montagem. “Adaptamos algumas coisas do texto para caber em 1h de apresentação, mas quem leu o livro vai encontrar na peça toda a poesia e as frases marcantes dos personagens”, afirma.

Rafaela acrescenta que “O Pequeno Príncipe” também promete encher os olhos. “Uma inovação que a Trilhares traz com esse trabalho é o uso de luz negra em peças desse segmento infantil, então todos os adereços são voltados para o neon. Também há muita manipulação de fantoches e do cenário. Como se trata de uma obra um pouco complexa, procuramos incluir elementos que chamassem a atenção do nosso público infantil”. 

Segundo ela, tanto a iluminação quanto o cenário móvel passaram por inúmeros testes em maquetes até que a equipe alcançasse o domínio ideal dessas técnicas.Outro destaque é a trilha sonora, feita especialmente para a peça pelo diretor musical e preparador vocal Juca Di Souza. “O elenco canta ao vivo, mas não chega a ser um musical com coreografia”, destaca Rafaela.

O espetáculo tem direção de Manuel Fagache, aluno de Teatro da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), que faz a sua estreia nesse posto. O elenco é formado por Clayson Charles, Vitória Maika, Italo de Almeida, Viviane Winchester e Diego Leonardo.

Mundo de Alice

Por outro lado, “No País das Maravilhas” levará ao palco os personagens do clássico de Carroll como se eles tivessem acabado de sair do livro. Estarão lá a menina Alice, a Rainha de Copas, o Chapeleiro Maluco e outros. Ao contrário do primeiro espetáculo, a produtora conta que a Trilhares se permitiu adaptar esse outro enredo com mais liberdade. A direção é de Camila Duarte e Clayson Charles.

“A peça começa com contadores de estórias no País das Maravilhas. Como um deles não gosta de ler, os outros tentam estimular a imaginação dele usando um livro sem gravuras. Aí que os personagens do mundo de Alice começam a ‘sair’ do livro, por isso todos os figurinos e adereços são feitos de papel”.

São sete atores em cena (Clayson Charles, Viviane Almeida, Sinead Mendes, ítalo Almeida, Giese dos Santos, Manuel Fagache e Vitoria Maika) e todas a equipe foi responsável pela criação das músicas que costuram o espetáculo. A cenografia é de Leo Margarido.

Para o Natal

A Companhia Trilhares reúne 30 artistas divididos em vários núcleos. O núcleo de direção, por exemplo, é formado por quatro pessoas que se revezam entre os trabalhos. Ítalo Almeida foi escalado recentemente para começar a trabalhar num dos próximos espetáculos do grupo, que vai se passar a Amazônia.

Antes disso, a cia. estreia “O Natal mágico do Trilhares de Sonhos”, com típicos personagens natalinos como o biscoito, boneco de neve, etc. A agenda desse trabalho também inclui uma pequena turnê pelos municípios de Tabatinga e Benjamin Constant, entre os dias 4 e 7 de dezembro. A estreia em Manaus ainda será definida.

Serviço

O que é? “O Pequeno Príncipe” com a Companhia Trilhares

Quando é? Dias 7 e 8 de novembro, às 17h

Quanto é? R$ 30 (meia)

Onde é? Teatro Manauara, Manauara Shopping

Info: (92) 99298-5532


O que é? “No País das Maravilhas” com a Companhia Trilhares

Quando é? Dia 14 de novembro, às 17h

Quanto é? R$ 30 (meia)

Onde é? Teatro Manauara, Manauara Shopping

Info: (92) 99298-5532

Publicidade
Publicidade