Segunda-feira, 22 de Abril de 2019
publicidade
1.jpg
publicidade
publicidade

Vida

Imperfeição contagiante: aplicativos de foto nada certinhos fazem sensação na web

Nova tendência nas redes sociais são ferramentas que dão um ar divertido às imagens, transformando-as em desenhos, idosos e até zumbis


12/12/2013 às 09:40

Com uma variedade incrível, a safra atual de aplicativos de celular tem a capacidade de melhorar qualquer foto, seja otimizando a iluminação, o foco ou minimizando pequenos defeitos. A tendência, no entanto, está justamente na direção contrária: as mais populares ferramentas do momento distorcem ou modificam totalmente a imagem escolhida pelo usuário, dando-lhe no fim das contas, um resultado não necessariamente bonito - mas, de certo, divertido.

Lançado no fim de novembro na versão em inglês (antes só existia em chinês), o app que tem inundado as timelines do Facebook e Instagram é o Momentcam. A ideia é criar caricaturas perfeitas dos usuários com base nas suas fotos. O rosto da pessoa é encaixado a um corpo em diferentes situações personalizadas, lembrando um desenho feito à mão.

O cantor sertanejo Breno Marx postou ontem sua experiência com o Momentcam no Facebook e disse que o aplicativo é interessante, pois abre espaço para os fãs comentarem.

“Curto tudo que me permite interagir com o meu público. Eu não converso muito com as pessoas diretamente na Internet, então essa interação acontece assim, por meio das fotos e, quando são diferentes, as pessoas participam bastante dos posts”, disse.

Selfies tenebrosas
As “selfies” (como são chamados os autorretratos tirados para serem postados nas redes sociais) ganham um aspecto tenebroso com o aplicativo “The Walking Dead Yourself” - como o nome já entrega, inspirado na série americana. Graças aos efeitos deste, em poucos minutos o usuário vira um zumbi. O universitário Thiago Vareja testou e aprovou o resultado.

“O aplicativo permite alterar a foto de forma fácil e rápida. Adorei, porque gosto de zumbis”, comenta, ressaltando que o bom é não precisar ser expert em informática para mexer nestas ferramentas. “Nem todo mundo entende de Photoshop e esses programas nos dão tudo mastigadinho”.

Na opinião do psicólogo André Borghi, é justamente essa repetição de efeitos já antes disponibilizados no Photoshop que tiram a “graça” destes aplicativos. “O celular tem causado um efeito de ‘voltar ao passado’. O pessoal acha fantástico coisas que já existiam. A diferença é a facilidade e democratização. Mas essa popularização dos conteúdos vai tender a baixar a qualidade dos mesmos, pois as pessoas acabam compartilhando hábitos, fotos triviais e menos ideias e coisas realmente interessantes”, critica.

Confira os nomes de alguns apps do momento e divirta-se!

- MomentCam

- Facetune

- Old Magic Booth (foto da cantora Miley Cyrus)

- The Walking Dead Yourself

- Aging Booth

- Ugly Selfie Booth

- Snoopify

- Catwang

- Aokify

- Animal Head Photo Mashup

- Prop Booth

- Talking Funny Mirrors

- iSwap Faces

- Funny Camera

- Magic Mirror Booth

- Splash of Color

- Wink

- Unicorn Disco

- Mouth Off

- Moron Test

publicidade
publicidade
Jornalismo tenta se reinventar em meio ao caos das redes sociais
Contratos de patrocínio da Petrobras passam por revisão, diz Bolsonaro
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.