Publicidade
Entretenimento
Vida

Jandr Reis exibe obras inspiradas em Pablo Picasso no Espaço JACC

Intitulada “Novas Picassianas”, a exposição vai reunir 82 obras inéditas, todas produzidas em nanquim e aguadas de acrílica sobre papel offshore, em pequenos formatos 16/06/2015 às 10:07
Show 1
A exposição “Novas Picassianas” ficará em cartaz no Espaço JACC até 22 de agosto
jony clay borges ---

Entre os anos de 1950 e 1960, o pintor Pablo Picasso (1881-1973) produziu uma série de releituras da obra “As meninas”, de autoria de outro mestre da pintura, o também espanhol Diego Velázquez (1599-1660). A história se repete na atualidade com o artista plástico e designer Jandr Reis, que desde 2005 produz releituras das figuras femininas da obra de Picasso, em especial de sua célebre pintura “Les demoiselles d’Avignon” (1907). O resultado desse trabalho é a série “Picassianas”, que ganha uma nova exposição neste sábado, às 17h, no Espaço JACC, na Zona Sul de Manaus.

Intitulada “Novas Picassianas”, a exposição vai reunir 82 obras inéditas, todas produzidas em nanquim e aguadas de acrílica sobre papel offshore, em pequenos formatos. Desse acervo, 80 peças individuais serão expostas em varais, de maneira informal, e outras duas séries de desenhos conjugados serão exibidas enfileiradas em nichos nas paredes do barzinho musical no Centro Cultural Povos da Amazônia.

Paixão e inspiração

Em suas “Picassianas”, Jandr explora a relação amorosa entre Picasso e as figuras femininas. “Ele era muito apaixonado pelas mulheres”, afirma o artista, que se diz um admirador da obra do mestre espanhol desde sempre. “É um artista inteligente e instigante, que foi um grande estudioso da História da pintura e uma referência do Cubismo. E também foi um homem que se dedicou inteiramente à arte, o dia a dia dele era pintar”, comenta.

O interesse pelas figuras femininas na arte, vale dizer, é um elemento comum tanto na obra de Jandr quanto na de Picasso. “Sempre desenhei mulheres. Nos anos 1990 fiz duas exposições com o título ‘Mulheres nuas’”, recorda o artista, que se sente menos à vontade em explorar as formas masculinas. “Tenho mais dificuldade. Eu me saio melhor pintando mulheres. E é mais fácil explorar o lado da deformação, pois elas têm mais atributos: posso explorar seios, cabelos e por aí vai”.

Para Jandr, buscar inspiração ou referências na obra dos mestres ou de outros artistas é uma constante na trajetória da arte. “Todo artista sempre se inspira num traço, tem sempre uma referência de outro artista. Picasso mesmo se inspirou nas ‘Meninas’ de Velázquez e pintou várias obras a partir disso”, afirma.

Arte livre

“Novas Picassianas” é a terceira exposição de Jandr Reis com desenhos inspirados nas mulheres de Picasso – outras duas foram realizadas em 1997 e 2012. As obras da série, ele conta, são produzidas sempre de forma descompromissada, em paralelo a outros trabalhos e exposições do artista. “São as pinturas que faço no dia a dia, quando estou em casa”, comenta o artista plástico e designer, natural de Óbidos (PA) e há mais de 30 anos é radicado em Manaus.

Trazendo cores em tons pastéis e terrosos, as “Picassianas” de Jandr são livremente inspiradas nas formas da obra de Picasso. Segundo o artista, os desenhos da série mantiveram a essência dessa proposta, com pequenas variações ao longo dos anos. “Muda uma coisa ou outra, mas continuam os mesmos traços. Afinal, nenhuma de minhas pinturas é igual à outra”, delimita.

A exposição “Novas Picassianas” ficará em cartaz no Espaço JACC até 22 de agosto.

Serviço
O que é: Exposição de arte “Novas Picassianas”, do artista plástico Jandr Reis
Onde: Espaço JACC Barzinho Musical, Centro Cultural Povos da Amazônia (antiga Bola da Suframa), Distrito Industrial
Quando: Em cartaz a partir de sábado, dia 20, às 17h. Visitação até 22 de agosto, de quarta-feira a sábado, das 17h às 3h da manhã
Quanto: Acesso gratuito
Informações: (92) 99152-7756


Publicidade
Publicidade