Sábado, 05 de Dezembro de 2020
Solidariedade

'Jardim do céu': artista plástico troca obras por doações a famílias vulneráveis

Jandr Reis utiliza sua arte para sensibilizar sobre a necessidade de pensar no próximo em meio às dificuldades em coleção inédita



jandr_8078C4A6-3486-496F-8BFD-7D7394C93A59.JPG Foto: Divulgação
28/04/2020 às 06:45

O artista plástico Jandr Reis lança, a partir de hoje (28), a coleção inédita solidária “Jardim do céu”, que tem como meta realizar permutas de suas pinturas por cestas básicas para doar a famílias em situação de vulnerabilidade nesse momento de isolamento social causado pela pandemia do novo coronavírus.  

“Diante desse momento de pandemia, é importante haver uma sensibilização com aqueles mais humildes. Estou lançando essa coleção inédita como forma de homenagear todas as vítimas da Covid-19, bem como incentivar as pessoas a fazerem doações para que assim possamos ajudar cada vez mais famílias”, afirmou Jandr.



Inspirado em suas pinturas de sua série “Azul” feitas durante suas viagens ao redor do mundo e ao primar pela cor azul em diversas séries de suas criações, para essa nova coleção, o artista plástico preparou 24 pinturas de flores, onde utiliza técnica mista – lápis de cera e aguada de acrílica, além de diversas variações da cor azul, que vai do azul anil ao azul hortência. 

Arte solidária

O artista plástico explica que para ganhar uma pintura, basta fazer as seguintes doações no Teatro Amazonas: quatro cestas básicas equivalem a uma obra no papel tamanho A2 (66cm x 50cm); e duas cestas equivalem a uma obra no tamanho A4 (32cm x 24cm).

Ao total, são 12 pinturas em papel tamanho A4 e 12 pinturas em papel A2. As obras serão entregues no momento das doações no Teatro Amazonas.

“Acredito que essa pandemia veio para trazer reflexão a todo o mundo para o ser humano ser melhor com o seu próximo, independente de recursos que disponha, pois da maneira em que vivíamos estava ficando insustentável. Depois dessa fase, vamos ter mais compaixão com o próximo”, pondera Jandr.

A iniciativa do artista tem parceria com a campanha “Amazonas Solidário” e as entregas podem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, no sistema de drive-thru (retirada das doações sem que seja preciso sair do carro), para minimizar o contato com os doadores.

No caso de doações em grande quantidade, a Secretaria de Cultura e Economia Criativa atende das 8h às 20h, por meio dos números (92) 3232-5555 e 99177-6442 (WhatsApp) e do e-mail atendimento@cultura.am.gov.br.

As doações também podem ser realizadas em mais dois pontos de arrecadação, na sede da Seas, localizada na avenida Darcy Vargas, 77, Chapada; e no núcleo da Pessoa com Deficiência da Sejusc, na rua Salvador, 456, Adrianópolis.

Perfil

Nascido em Óbidos (PA), Jandr Reis é radicado em Manaus desde os anos 80. Estudou na Escola de Artes Visuais do Parque Lage, no Rio de Janeiro, é formado em Design e pós-graduado em Museologia. Para quem quiser acompanhar seu trabalho, pode segui-lo no Instagram.

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.