Sábado, 30 de Maio de 2020
Buzz

Jennifer Hudson chora ao depor em julgamento de assassinato de sua família

Ela chorou ao falar da última vez que encontrou a família, antes dos assassinatos, e quando o promotor a mostrou uma foto de sua mãe



1.jpg A cantora e atriz Jennifer Hudson
23/04/2012 às 17:51

A cantora e atriz Jennifer Hudson, que já ganhou prêmios Grammy e Oscar, foi a primeira testemunha chamada para depor nesta segunda-feira (23) no início do julgamento de William Balfour, acusado de assassinar sua mãe, irmão e sobrinha em 2008.

Ela chorou ao falar da última vez que encontrou a família, antes dos assassinatos, e quando o promotor a mostrou uma foto de sua mãe.



Jennifer Hudson também se emocionou ao lembrar de quando a irmã Julia Hudson anunciou que se casaria com William Balfour. "Ninguém queria que ela se casasse com ele. Não gostávamos do jeito que ele a tratava"

Balfour, de 30 anos, que foi casado com a irmã de Jennifer, Julia, é acusado de matar a mãe delas, Darnell Donerson, de 57 anos, o irmão Jason Hudson, de 29, e a sobrinha, Julian King, de 7 anos.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.