Terça-feira, 26 de Maio de 2020
Buzz

Juíza pede auditoria em serviço comunitário de Chris Brown por agredir Rihanna

A promotora Mary Murray, que pediu a auditoria, alega que não há uma especificação clara sobre quantas horas Brown trabalhou e onde o trabalho foi feito



1.jpg O rapper Chris Brown
11/07/2012 às 08:22

Uma juiza ordenou que uma auditoria seja feita sobre o serviço comunitário prestado pelo cantor Chris Brown por ter agredido a cantora Rihanna.

A promotora Mary Murray, que pediu a auditoria, alega que não há uma especificação clara sobre quantas horas Brown trabalhou e onde o trabalho foi feito.  A juíza Patricia Schnegg, que cuida do caso, disse que recebeu detalhes sobre o trabalho de Brown, mas faltou uma atualização sobre o andamento e detalhes de quantas horas o artista realmente trabalhou. Schnegg ordenou que Brown compareça a uma audiência marcada para o dia 21 de agosto. Esta será a primeira vez que o cantor deve ir ao tribunal em meses, já que foi elogiado nos relatórios pelos oficiais da condicional e também pela juíza.

O cantor foi liberado para cumprir sua pena de seis meses de trabalho no estado da Virgínia, sua terra natal. O trabalho de Brown incluiu limpar muros pichados, limpeza de estradas e outros trabalhos manuais.




Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.