Segunda-feira, 20 de Maio de 2019
Buzz

Justiça condena Dado Dolabella a indenizar camareira agredida

Esmeralda Honório teria levado um empurrão durante briga de ator com ex-namorada Luana Piovani, em 2008. Ela vai receber um valor de 40 mil reais



1.jpg
Dado Dolabella
17/01/2013 às 12:11

O ator Dado Dolabella foi condenado pela Justiça do Rio condenou a pagar uma indenização de R$ 40 mil à camareira Esmeralda Honório.  A funcionária teria sido agredida durante um briga do ator com sua ex-namorada Luana Piovani em 2008, na boate 00.

Conforme publicado nesta quinta-feira na coluna de Ancelmo Gois, a 11ª Câmara Cível do Rio reformou, por unanimidade, a decisão em primeira instância que negou o pedido de danos morais da camareira. À época, a juíza Lindalva Soares Silva afirmou que o ator seria inocente porque "em briga de marido e mulher ninguém mete a colher".

Antes da decisão em primeira instância, Michel Asseff Filho, advogado de Dado, chegou a oferecer R$5 mil para Esmeralda de indenização, mas ela negou um acordo. O valor foi oferecido pelos três meses em que a camareira ficou sem trabalhar na época da suposta agressão.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.