Publicidade
Entretenimento
Vida

'Keep Calm': a moda relax que conquistou o mundo

No site que hospeda o hit, você pode fazer sua própria versão do cartaz, com opções de substituição de fundo monocromático, inserção de imagem como fundo, mudança de fonte e, claro, de texto 05/04/2013 às 09:06
Show 1
O cartaz com a célebre frase faz sucesso em diversos âmbitos da vida humana, seja na Internet, na moda ou mesmo na decoração
Felipe de Paula Manaus, AM

Criado pela Coroa Britânica como mensagem motivacional em tempos de guerra, o cartaz “Keep Calm and Carry On”, algo como “Mantenha a calma e vá em frente”, se popularizou na Internet com versões das mais criativas e inusitadas. No embalo dos bons ventos que sopram na web, a mensagem relax também está fazendo o maior sucesso na moda e na decoração, e já tem até site que oferece o serviço de personalização da estampa.

No endereço www.keepcalm-o-matic.co.uk (em inglês), você pode fazer sua própria versão do cartaz, com opções de substituição de fundo monocromático, inserção de imagem como fundo, mudança de fonte e, claro, de texto. Em geral, utiliza-se o “Keep calm” alterando somente a segunda parte da frase. No site é possível ainda comprar produtos como camisetas, canecas e chaveiros já com a inscrição sugerida pelo usuário.

Na decoração

Antenada nas novidades que surgem a todo momento no fervilhante cenário da cultura contemporânea, a arquiteta de interiores Leila Barakat explica que utilizar cartazes como elemento de decoração está muito em voga em ambientes sofisticados. Ela própria já se rendeu à força positiva da famosa estampa e a utilizou em um de seus trabalhos. “Eu fiz uma sala de jogos de um condomínio com o cartaz: ‘Keep calm and game on (Mantenha a calma e jogue)’”, detalha Leila. “Todo mundo adorou”, diz ela, acrescentando que a tendência hoje na decoração é a personalização dos ambientes, principalmente para os jovens. “Eles preferem uma frase de que gostam do que mesmo uma imagem”, ressalta.

A volta da rainha

Assim como na decoração, tudo que tem relevância cultural ou gera empatia nas pessoas é potencialmente aproveitado como matéria-prima pela indústria da moda. Segundo explica o artista plástico Rafael Rezende, proprietário da Rezz Camiseteria, a Inglaterra, um dos berços da moda contemporânea no mundo, sempre representou uma série de valores positivos de comportamento e, por isso, várias marcas associam seus nomes e produtos a esse País, como as brasileiras Liverpool e King 65.


“A Inglaterra sempre representou valores associados a uma atitude mais rocker, ao mesmo tempo em que também pode passar uma imagem refinada de comportamento”, diz ele, para quem o País nunca sai de moda. “O que nós vemos é que esses valores vão se diluindo em elementos menores, como os spikes, que se originaram da vestimenta punk, e referências como o próprio ‘keep calm’”, afirma.

Campanha

O boom ‘keep calm’ nas redes sociais começou por volta de 2012, quando da ocasião da campanha de reeleição do presidente Barack Obama, em que vários de seus correligionárias produziram frases semelhantes ao do clássico cartaz ingles: “keep calm and vote for Obama”, era uma delas.

História do cartaz

Segundo reportagem do site da rede de notícias BBC, datada do ano passado, o cartaz com a célebre frase que está fazendo sucesso em diversos âmbitos da vida humana, seja na Internet, na moda ou mesmo na decoração, foi produzido pelo governo britânico em 1939, quando a Segunda Guerra Mundial obrigaria este País a produzir mensagens que tentassem tranquilizar a população.

Como não havia tevê, os cartazes funcionavam como esse elemento de difusão de valores, mas este especificamente, de autor desconhecido, nunca chegou a ser publicado, apesar de que mais de 2,5 milhões de cópias foram impressas. Apenas na década de 90, o dono de um sebo de livros o encontrou e colocou na parede da loja. Todos os clientes o pediam, mas ele negava. Foi quando teve a ideia de reproduzir o cartaz e vendê-lo.


Foi o suficiente: o telefone não parava de tocar e o sucesso foi imediato. Hoje o “keep calm” é usado como suvenir inglês e virou hit nas redes sociais.O cartaz original é de 1939, quando a Coroa Britânica decide divulgar mensagens motivacionais durante a 2ª Guerra.


Publicidade
Publicidade