Publicidade
Entretenimento
NOSTALGIA

Kombis viram símbolo de estilo em decorações e até empreendedorismo em Manaus

Modelo se tornou símbolo cultural para brasileiros e está presente nas mais diversas formas de decoração 11/06/2018 às 17:41 - Atualizado em 12/06/2018 às 09:24
Show 1528741506880499
Hippie Atelier e Kombarão usam a Kombi para ajudar a levar seu conceito de liberdade. (Fotos: Divulgação)
Maria Paula Santos Manaus (AM)

A Kombi faz parte do crescimento do nosso País por ter feito grande diferença entre as décadas de 50 e 60. Com a sua função gravada na História, ela se tornou mais do que um meio de transporte, transformando-se num ícone de design.

Nos dias de hoje, continuamos vendo a tendência cultural que gira em torno do veículo da Volkswagen. De objetos de decoração a formas de empreendorismo, a Kombi continua simbolizando a liberdade da época em que foi criada. Exemplo disso é a loja Hippie Atelier (@hippieatelier), de Cecília Silva, que funciona dentro de uma Kombi adaptada.

“O intuito era produzir peças de boa qualidade, com design diferente e custo acessível. Trabalhava em feiras, movimentos criativos e itinerários pela cidade montando e desmontando meu stand geralmente  nos finais de semana”, comenta a proprietária.

Não foi diferente para George Costa, proprietário do Kombarão (@kombarão), onde vende cerveja sob as rodas de uma Kombi. “O conceito de comida sobre rodas já está consolidado em Manaus. Diversos food trucks circulam pela cidade em eventos e food parks, mas faltava algo, e então porque ficar só na comida? Se tem uma coisa que combina com comida de rua é uma boa cerveja artesanal. A ideia é levar de forma prática e com valores acessíveis a cerveja artesanal para eventos e festas. Com isso criou-se o conceito de beer truck”, diz ele.

Conceito sob rodas

“A ideia da kombi hippie veio principalmente como uma forma de facilitar a venda e exposição dos produtos do atelier, além  de criar uma identidade e desenvolver  todo um conceito quando estamos estacionados. Depois de pesquisar e ver que esse modo de vender era bastante comum em outras cidades, resolvi investir e correr atrás de transformar a Kombi em uma loja itinerante. Hoje em dia, essa forma de expor se tornou bem prática e característica”, comenta Cecília.

“A kombi faz parte da história de todos os brasileiros, sempre foi um carro popular e de fácil acesso à maioria dos empreendedores. Assim como o fusca, hoje a Kombi carrega uma história de tradição e já virou o xodó de muitos brasileiros. Unindo o útil ao agradável, ela atende com excelência as nossas necessidades, com uma grande capacidade de carga e com o charme da tradição. Por isso ela foi a escolha perfeita para no nosso projeto”, finaliza George.

O conceito é tão vívido em algumas pessoas que cinco amigos criaram o Kombi Clube do Brasil, em São Paulo, que conta hoje om 450 associados. “Hoje as pessoas procuram uma Kombi mais antiga para reviver a época de infância, adolescência. Cada um de nós tem uma história de vida em que a Kombi se encaixa”, diz o presidente Helder Sobrêda.

Além das ruas

Exemplo disso é a loja online Machine Cult, especializada em camisetas, miniaturas, quadros, placas e decoração temática de carros, motos e bicicletas. O proprietário Carlos Hinke sempre gostou de carros e motos antigas e viu uma oportunidade nova na Kombi. “É muito difícil possuir carros antigos, seja por falta de dinheiro para a aquisição, espaço para guardar, além de ser difícil encontrar um veículo em bom estado. Então colecionar itens relacionados aos carros e motos do passado é uma forma de preservar esta cultura”, diz ele.

Além disso, a Kombi se tornou um item fixo para a casa. Muitos designers já colocam peças características do carro como parte da decoração. Um exemplo é o novo refrigerador Gorenje Retrô, que combina o design icônico dos anos 60 com a tecnologia sofisticada de hoje. Com o saudosismo do passado, incorpora o que há de mais moderno em tecnologia para atender a todas as necessidades.

Pensando no dia a dia, marcas como Go Case acrescentaram em sua linha mochilas e capas de celulares usando o modelo de carro, além da loja Imaginarium que tem como grande sucesso o porta-retrato “Nós na Kombi”, com a ideia de fazer você pegar carona com quem gosta.

Busca rápida

O amor é tanto pela “Velha Senhora” que muitas levam nomes próprios dados carinhosamente pelos donos, como Chica, Maria Filomena e Madalena - esta última é a companheira de viagem do casal Vanessa e Lorenzo, do blog “Por Aí de Kombi”. Como muitos viajantes aventureiros, eles escolharem a kombi para ser seu meio de transporte.

Futuro da Kombi

O modelo deixou de ser fabricado há alguns anos, mas a Volkswagen confirmou a decisão de produzir, a partir de 2022, um utilitário elétrico inspirado no icônico veículo. O novo modelo terá como base o ID Buzz, apresentado nas últimas edições dos Salões de Detroit e Genebra. O projeto é inspirado na primeira geração da Kombi (T1), lançada nos anos 1950. O nome faz alusão ao modelo clássico: o nome “Buzz” tem pronúncia parecida com a palavra “bus”, como o veículo é informalmente chamado nos Estados Unidos. A denominação Kombi, adotada no Brasil, vem da palavra alemã Kombinationsfahrzeug (algo como “veículo combinado”).

Publicidade
Publicidade