Sexta-feira, 19 de Julho de 2019
Vida

Livros infantis estimulam cérebro das crianças e outros benefícios

Segundo estudo divulgado pela fundação Itaú Social e pelo Datafolha, 96% dos adultos que foram ouvidos acham importante incentivar crianças de até 5 anos a ler, mas apenas 37% têm esse hábito



1.gif Livros para a criançada!
06/10/2012 às 14:42

A leitura é um passe livre para mundos imaginários e, quando incentivada ainda na infância, estimula o cérebro e acelera o aprendizado escolar – é o que afirma o neurologista amazonense Pedro Costa Neto. “Desenvolver a leitura ajuda a criança a assimilar as emoções que são passadas pelos contos desde cedo”, disse.

Mesmo com todos esses benefícios, o contato precoce com os livros ainda é um privilégio de parcela reduzida da população. Segundo estudo divulgado pela fundação Itaú Social e pelo Datafolha, 96% dos adultos que foram ouvidos acham importante incentivar crianças de até 5 anos a ler, mas apenas 37% têm esse hábito.

Para a escritora infantojuvenil Ana Peixoto, ler por obrigação não dá certo. “É preciso fazer com que as crianças tenham interesse em pegar nos livros. Mesmo com a leitura digital, poder folhear uma obra ainda é uma grande aventura”, declarou.

APROXIMAÇÃO

Nos diversos eventos literários de que participa, Ana Peixoto adota a didática do “brincar de ler” para facilitar o contato inicial dos pequenos com a literatura. “Através de uma leitura lúdica, é possível despertar o compromisso das crianças com a descoberta das palavras”.

(A íntegra deste conteúdo está disponível para assinantes digitais ou na versão impressa).

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.