Terça-feira, 24 de Novembro de 2020
Iluminação

Luzes do DJ Alok vão partir de prédio localizado no Adrianópolis

Anteriormente, o bairro Ponta Negra foi cotado para receber a iluminação dos lasers do DJ, mas o artista definiu novo endereço no último fim de semana. Circuito de luzes faz parte da divulgação do especial de fim de ano "ALIVE"



csm_Alok_-_Credito_Gabriel_Wickbold_fe31f6bfd8_AF849780-3239-4AEB-B199-4AB2688FF969.jpg Locais são escolhidos pelo próprio DJ (Foto: Gabriel Wickbold/Divulgação)
16/11/2020 às 20:29

“A ideia é, através dos lasers, trazer a ideia de que podemos iluminar, todos juntos, novos caminhos, de forma positiva. E que nos mantenham conectados, independente de onde estejamos fisicamente”. Com este conceito, o DJ Alok explica, em entrevista ao A CRÍTICA, sobre o circuito de luzes que vai iluminar os céus da capital amazonense nesta segunda (16), das 20h às 23h, em um ponto localizado no Diamond Residence Tower (Rua Fortaleza, 100, Adrianópolis). Ao final da ação, os lasers vão ter percorrido, em dias distintos, 9 cidades do Brasil.

“Surgiu então a necessidade de juntarmos o Brasil inteiro, do Sul ao Nordeste, passando por diferentes cidades e sotaques, mas com o mesmo desejo em comum: a felicidade”, complementa o DJ. As luzes fazem parte de uma ação que prenuncia e divulga a live-show “ALIVE”, que vai acontecer no dia 5 de dezembro, em horário indefinido, a ser transmitida pelo canal oficial dele no Youtube (Alok) e também pelo Portal Terra (www.terra.com.br). 



O especial “ALIVE” contará com uma tecnologia que integrará o próprio artista, de uma forma inédita, ao seu próprio conteúdo. “Haverá uma interação que requer um longo período de produção onde viemos, ao longo de alguns meses, depositando todas as nossas energias. Esse show chega para dar uma nova roupagem nessa fase que estou vivendo em relação a minha carreira. De coração? Será a melhor apresentação que já preparei em toda minha vida”, adianta ele.

O artista goiano justificou a escolha da capital amazonense para receber as luzes, destacando a receptividade local. “Recebemos sugestões nas redes sociais de pessoas pedindo pelas cidades e fizemos uma seleção que contemplasse representantes de todas as regiões do País. Fiquei muito feliz em poder passar por Manaus, onde sempre faço apresentações que são marcantes para mim pela receptividade e amor que recebo dos manauenses”, pontua. 

Ainda segundo o DJ, os lasers possuem alcance potente, e irão iluminar o horizonte de parte do céu. “Os lasers se movimentam e também trocam de cores, criando diferentes percepções”, expressa ele. Alok afirma que o local específico foi pensado para uma melhor experiência das pessoas com a visualização do laser. “Depende também de aspectos como a menor quantidade possível de iluminação, para que as pessoas possam ter uma melhor vivência dos raios de laser”, coloca.

Ranking

Recentemente, Alok foi eleito um dos cinco melhores DJ’s do mundo pela revista inglesa DJ Mag. O DJ é o único brasileiro a integrar a prestigiosa lista. “Eu me senti extremamente honrado em poder ecoar o nome do Brasil com essa conquista. Ao longo do tempo aprendi que não só nosso trabalho, mas nossas reais intenções nos levam adiante. A contribuição das pessoas a minha volta é essencial e eu reconheço o quão necessário é o esforço de cada um para essas conquistas. Eu também fiquei muito feliz e agradecido aos meus fãs, pois sei dos esforços diários que todos eles fizeram para alcançarmos esse novo recorde. Essa conquista me encheu de amor por todo o caminho percorrido até aqui”, celebra.

Questionado sobre os seus projetos futuros, Alok afirma estar concentrando forças no especial “ALIVE”, e enumera o evento como uma de suas grandes novidades. “Não posso contar ainda o que vai rolar, mas garanto que tem surpresa boa vindo aí”.

Responsáveis pela projeção

A iluminação de Manaus será gerenciada localmente pela Pump Entertainment. Segundo Bernard Teixeira, 32, CEO & Founder da Pump, os lasers serão expressos em diversas cores, como azul, amarelo, rosa e verde; e lançarão apenas feixes de luz, que se estenderão a quilômetros de distância. De acordo com ele, a escolha do local onde as luzes serão projetadas será feita pelo próprio DJ. 

A relação de Alok com a realizadora de eventos é antiga, conforme Bernard. “Vem desde o início da carreira dele. Desde lá, montamos uma parceria e trabalhamos juntos em Manaus e em outras cidades do Norte e Nordeste do Brasil. Temos um evento onde o Alok é nosso parceiro, que é o ‘Pump Black Halloween’, que ocorre na Arena da Amazônia. É uma festa tradicional de muitos anos. Alok é nosso sócio nesse evento”, comenta Teixeira.

Subeditora de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.