Publicidade
Entretenimento
Literatura

Semana Internacional do Livro Infantil é realizada em Manaus na próxima semana

Com diversas atividades gratuitas espalhadas pela cidade, o evento inicia na segunda-feira, 18 de abril, Dia Nacional do Livro Infantil, e segue durante a semana 13/04/2016 às 20:20 - Atualizado em 13/04/2016 às 20:30
Show 932679  abr1492
O evento é organizado pelo Governo do Amazonas, através da Secretaria de Estado de Cultura (Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Assessoria de imprensa

O livro tem um papel fundamental na formação do indivíduo e pesquisas apontam que quanto mais cedo uma criança tem contato com ele, melhor será desenvolvida sua criatividade, imaginação e conhecimento a cerca do mundo. Por meio da leitura se adquire cultura e valores.

Com tantos benefícios proporcionados pela leitura, o Governo do Amazonas programou para este mês a Semana Internacional do Livro Infantil, com diversas atividades gratuitas espalhadas pela cidade de Manaus. A programação inicia na próxima segunda-feira (18), no Dia Nacional do Livro Infantil.

Biblioteca Emídio Vaz D’Oliveira

Na Biblioteca Emídio Vaz D’Oliveira, localizada na rua Dr. Almínio, nº 73, Centro, Zona Sul, será oferecida uma programação bem divertida nos dias 18, 19 e 20 de abril, das 9h às 16h30, com atividades para todas as idades, especialmente para as crianças, como a Hora do Conto, exposição de livros infantis, leitura dramatizada, apresentação de teatro de fantoches com personagens do Sítio do Pica-pau Amarelo, sessão de filmes, oficinas de arte de confecção de marcadores de livros, brincadeiras com a criançada e jogos didáticos.

A Biblioteca Emídio Vaz D'Oliveira existe há 15 anos e tem como público-alvo as crianças de 4 a 10 anos de idade, com um acervo especializado e atividades realizadas em diversas estações, como na área de artes cênicas, ciência, astronomia, gibiteca e muito mais. A biblioteca funciona de segunda a sexta, das 9h às 17h. Para agendamento de grupos acima de dez pessoas, é necessário entrar em contato com Central Pedagógica pelo telefone: 3215-4622.

Biblioteca Braille

A Biblioteca Braille também aguarda o público infantil com um ambiente preparado especialmente para atender a criançada, com brinquedos acessíveis, acervo Braille com 958 Livros, 4.020 livros falados, 102 Filmes com audiodescrição e 25.000 Livros digitalizados.

A biblioteca também oferece caneta pen top para audiodescrição, painéis de textura e filmes, com uma equipe especializada para atender os pequeninos e fica localizada na avenida Pedro Teixeira, nº 2.565, Sambódromo (Bloco C), funcionando de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Biblioteca Volante Elson Farias e Galeria Manoel Borges

Seguindo o mesmo princípio, desde 2013, as Bibliotecas Volantes do Programa Mania de Ler também percorrem diversos pontos da capital, realizando atividades que promovem o incentivo à leitura, para pessoas de todas as faixas etárias.

Em 2015, os projetos somaram cerca de 10 mil visitantes, de todas as zonas da cidade, em especial dos bairros periféricos de Manaus, onde crianças e jovens puderam ter um primeiro contato com o mundo das artes.

A Biblioteca Volante Elson Farias possui mesas e cadeira para acomodação da criançada e está localizada no Largo de São Sebastião, de segunda a sexta, das 9h às 12h e das 13h às 16h, com a bela visão do Teatro Amazonas.

Ao lado da Biblioteca Volante, situa-se a Galeria Itinerante Manoel Borges, com a exposição “Produção Baré”. O projeto teve início outubro de 2015, como parte do Plano de Ação 2015/2016 da Secretaria de Cultura do Amazonas, com o objetivo de levar para os moradores de vários bairros de Manaus a oportunidade de apreciar, dentro da própria comunidade, belas obras de arte.

As bibliotecas administradas pela Secretaria de Estado de Cultura possuem um grande acervo de livros, jornais e gibis para públicos de todas as idades e estão preparadas para receber os novos leitores, com literatura especializada.

“Temos ambientes confortavelmente elaborados para receber crianças, acompanhadas de seus responsáveis, para que sejam incentivadas ao hábito da leitura, que muito contribui para a formação e desenvolvimento do indivíduo”, declarou o secretário de Estado de Cultura, Robério Braga.

Publicidade
Publicidade