Quinta-feira, 13 de Agosto de 2020
música

'Menor festival de ópera do mundo' online acontece de 13 a 16 de julho

Festival concebido dentro de plataformas digitais deve ser realizado em formato presencial no futuro



WhatsApp_Image_2020-07-06_at_17.31.36_5002AC97-E31C-4363-8864-BBB3843F1CF9.jpeg Evento reúne simpatizantes, artistas e professores de música do Brasil para movimentar cena cultural (Foto: Herbeth Virgílio/Divulgação)
07/07/2020 às 11:27

Diante do novo cenário de acesso às artes, a cena operística em Manaus também tem se reinventado e criado diversas possibilidades para continuar promovendo a música clássica para o público, bem como dar continuidade à formação dos estudantes de música. Com isso, o Ópera de Studio realizará o evento “O menor festival de ópera do mundo”, no período de 13 a 16 de julho, de forma online e gratuita. A ação visa propor uma movimentação cultural em ambiente virtual com participantes do projeto, artistas e professores do Brasil.

“Essa iniciativa de realizar ‘O menor festival de ópera do mundo’ online partiu da necessidade de, com a pandemia, nos adaptarmos aos meios de interação virtual, adequando nosso projeto de extensão a esta nova realidade. Trata-se de um momento de reinvenção do processo de formação e produção de ópera em Manaus, com ações que abrangerão participantes do projeto, artistas e professores de todo o País”, afirma coordenadora do projeto de extensão, Duany Parpinelli.



O diretor cênico do Ópera de Studio, Francis Madson, explica sobre a concepção do Festival. “A partir do ‘por uma literatura menor’, do Gilles Deleuze sobre a obra do Kafka, nós entendemos que ações menores constroem efeitos imensos na sociedade e, assim, nasce a proposta do ‘Menor Festival de Ópera do Mundo’, que visa justamente realizar provocações à cidade de Manaus, aos artistas e  própria linguagem. Além disso, é um movimento que damos em termos de isolamento social. Assim sendo, hoje ele nasce dentro de plataformas digitais, mas, no futuro, realizaremos a ação em formato presencial”, declara ele.
O evento conta com o apoio da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Casarão de Idéias e Potências das Artes do Norte (Pan).

O projeto

O Ópera de Studio é coordenado pela Profa. Duany Parpinelli e busca aliar formação e difusão da música clássica em Manaus. O projeto funciona como um laboratório direcionado a preparar alunos de canto da UEA e jovens cantores da comunidade em geral para a arte de produzir e atuar em ópera, estabelecendo dessa maneira uma ponte tanto entre o conhecimento teórico e a prática, quanto entre formação acadêmica e mercado profissional.

Criado em 2016, o Ópera Studio estabeleceu uma parceria e também está inserido na estrutura do Festival Amazonas de Ópera, oferecendo uma oportunidade na qualificação profissional dos alunos e participantes dentro de um dos festivais mais importantes do País. 

Desde o início, o projeto encenou, em formato reduzido, as óperas “Don Giovanni”, de Wolfang Amadeus Mozart; “Don Pasquale”, de Gaetano Donizetti; e “La Bohème”, de Giacomo Puccini, com récitas no Teatro da Instalação e no Teatro Amazonas. No ano de 2017, estabeleceu parceria com a Orquestra Barroca do Amazonas, realizando a montagem da ópera “Les Plaisirs de Versailles”, do compositor Marc-Antonie. Em 2018, a montagem Opera Monsieur Chouffleri - Opera Buffa, foi o sucesso do projeto. 
 

Programação

Segunda-feira, 13/07

20h (Manaus) | 21h (Brasília) - Live (@opera.studio.am): “Práticas e resultados em projetos de ópera studio” com o tenor lírico Adriano Pinheiro e o maestro Fabiano Cardoso.  Será um bate-papo com dois cantores que atuam como produtores de projetos de ópera studio sobre a realização da programação de um studio ópera, sobre como pensar em um repertório adequado, e sobre quais os resultados que se podem esperar com o projeto, em relação ao desenvolvimento do cantor.

21h (Manaus) | 22h (Brasília) - Abertura do evento pelo aplicativo Zoom. O link será disponibilizado 30 minutos antes do espetáculo no perfil do Ópera Studio, no Instagram (@opera.studio.am).

Terça-feira, 14/07

20h (Manaus) | 21h (Brasília) - Live (@opera.studio.am): “Direção e atuação em projetos de ópera studio”. Bate-papo com os artistas Francis Madson e Felipe Venâncio, que atuam diretamente com direção de encenações em projetos de ópera studio no Brasil.


Quarta-feira, 15/07

16h (Manaus) | 17h (Brasília) - Workshop com a facilitadora Bábara Penido. Visa o desenvolvimento da prática do canto por meio da vivência do Método Feldenkrais, técnica da educação somática que aprimora a motricidade humana. Carga horária: 2h. Inscrição prévia. Lista de inscritos pelo Google Formulário.
20h (Manaus) | 21h (Brasilia) – Live (@opera.studio.am): “Formação, carreira e mercado de trabalho”, com o tenor Richard Bauer e músico Luiz Carlos.

Quinta-feira, 16/07

16h (Manaus) | 17h (Brasília) – Roda de conversa “Técnica e fisiologia da voz”, com a participação do professor de canto Luciano Simões e Profa. Doutora em música Duanny Parpielli. 

SERVIÇO:

O que : ‘O menor festival de ópera do mundo’

Quando:  13 a 16 de julho

Onde:  Instagram (@opera.studio.am)
 

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.