Sábado, 04 de Julho de 2020
ARTE EM PAPEL

Monta Manaus: arquiteto cria jogos e monumentos regionais de papercraft

Quando o amor pela cidade é grande, vira arte! O artista Carlos Melo, 50 anos é arquiteto e contou que desde menino sempre gostou de montar e criar coisas



MH_Sandro_Pereira_1_F4A18AD6-1EE7-438C-90CC-B25F6F37B64F.JPG Foto: Sandro Pereira
31/01/2020 às 12:27

Em 1997, Carlos usou seu dom para criar um jogo de tabuleiro chamado ‘Conheça Manaus’, a ideia dele era ensinar mais sobre os pontos turísticos e fazer as crianças terem admiração e amor pela Cidade de Manaus.“É um jogo com temática regional, vem um tabuleiro, dois carrinhos e um dado, a criança vai conhecendo e brincando”, disse ele. 

Em seguida surgiu uma outra ideia, ele resolveu criar o “Monta Manaus” em um kit que inclui a Arena da Amazônia, Ponte do Rio Negro, Teatro Amazonas e outros monumentos históricos da cidade, todos feito de papel em tamanho miniatura.



“Meu principal objetivo é de despertar o interesse da população em conhecer os pontos turísticos de Manaus, poder presentear um amigo de outra cidade e gerar um desejo nas pessoas de querer conhecer de perto a história e os monumentos de cidade. Eu sou um cara apaixonado pela minha cidade e gera prazer em mim poder fazer algo que exalte minha terra”,  contou ele.

O Monta Manaus está sendo vendido por uma pequena quantia de R$25  e acompanha as demais obras. Foto: Sandro Pereira

Carlos já teve a oportunidade de fazer uma exposição do seu trabalho na Secretaria de Cultura (SEC), baseado na técnica de papercraft, na proposta de apresentar os monumentos e o seu trabalho. “ Cerca de 30 pessoas puderam participar dessa oficina, durante três dias e como arquiteto procurei aplicar conceitos geométricos para alcançar minhas figuras. Tenho a proposta de contribuir em escolas, museus, onde desejam conhecer meu trabalho”,  relatou Calos.

O artista contou que ainda sente uma resistência muito grande do público em conseguir investir em arte, que tem vendido seus monumentos por um valor básico de R$ 25 e que a única data em que consegue fazer boas vendas é no período de aniversário da cidade. “Mesmo não me dando o retorno esperado pelo próprio público amazonense, quem vem de fora e conhece meu trabalho, gosta bastante e falam que não costumam ver essa arte em outro lugar, parece pouco, mas pra mim já é muita coisa”.

Depois do jogo Conhecendo Manaus e o Montando Manaus, o arquiteto ainda tem mais uma invenção, a revista Turma do Tunico, inspirada no seu  idolo Mauricio de Sousa. “ Tunico é um tucano que conta a história da cidade de um forma divertida. Com atividades, passa-tempos, tudo com uma temática regional. Essa revista também pode ser uma ferramenta para ser usada em escolas. Professores e Diretores que se interessarem, eu posso levar a Turma do Tunico até vocês”, concluiu ele.

Os interessados podem entrar em contato pelo (92) 98832-4590

No combo do Artista Carlos Melo, contém o Teatro Amazonas, a Ponte do Rio Negro e a Arena da Amazônia. Foto: Sandro Pereira

Repórter

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.