Publicidade
Entretenimento
Buzz

Morte de Cory Monteith não tem relação com drogas, afirma site

Segundo o site Ego, a polícia canadense afirmou não haver nada que denuncie que a morte de Cory tenha sido provocada pelo uso de qualquer substância do tipo 16/07/2013 às 10:11
Show 1
Cory Monteith
acritica.com Manaus, AM

A morte do ator Cory Monteith, o Finn Hudson da série Glee, não foi causada pelo uso de drogas. A informação foi repassada pela polícia de Vancouver nesta segunda (15) à rede CTV, segundo informações do site Ego.

Ainda segundo o site, o sargento Randy Fincham afirmou não haver nada que denuncie que a morte de Cory tenha sido provocada pelo uso de qualquer substância do tipo. O policial não divulgou se drogas foram encontradas no quarto de hotel onde o ator morreu e nem informações acerca do estado em que se encontrava o local.

O resultado da autópsia, que havia sido divulgado como caso de urgência perante a polícia, não deve sair tão cedo, segundo o policial. Ele afirma que o laudo pode demorar para que haja precisão quando os resultados forem divulgados no futuro, disse o site.

"Nós entendemos que existe um grande interesse público neste caso e tentaremos ter os resultados no melhor tempo possível, mas sem compremeter a integridade da investigação e dos testes", pontuou Randy.

E não é só a família e as celebridades próximas do ator que tem sido bombardeadas pela repercussão da morte do astro: conforme Fincham, a polícia tem recebido constantemente ligações e e-mails sobre o caso.

"Estamos recebendo centenas de ligações por hora sobre o caso e o mesmo número de emails. A morte de Monteith obviamente mexeu com muitas pessoas e famílias que assistiam ao programa", concluiu o policial.

Publicidade
Publicidade