Publicidade
Entretenimento
Entrevista

Vocalista da Magic elogia fãs e afirma estar ansioso para show em Manaus

Por telefone, Nasri Atweh revelou projetos da banda canadense e a expectativa para conhecer a Amazônia de perto 02/10/2016 às 05:25
Show magic portal
Banda canadense fará show em Manaus no próximo dia 11 de outubro, na Arena da Amazônia
Natália Caplan Manaus

Sucesso mundial, e entre as bandas mais tocadas nas rádios do Brasil, “Magic” fará um show no próximo dia 11 em Manaus, na Arena da Amazônia. Mas antes de desembarcar em solo amazonense, o vocalista da banda canadense, Nasri Atweh, concedeu uma entrevista por telefone à equipe do BEM VIVER, na qual revelou a expectativa para conhecer a Amazônia e a estreia da banda em produções de Hollywood.

“Neste momento, estamos trabalhando em músicas para a trilha sonora de dois grandes filmes. Estamos indo muito bem e esperamos que ambos cheguem aos cinemas no próximo ano. Mas eu não posso falar quais são, citar nomes, nem dar detalhes. Ainda não está 100% confirmado, mas esperamos que as músicas façam sucesso”, adianta.

Formado por mais três integrantes — Mark Pellizzer, Ben Spivak e Alex Tanas — o grupo foi criado há quatro anos e estourou com a música ‘Rude’, em 2013. De acordo com o também guitarrista, a ideia de montar a banda surgiu após ele escrever ‘Mama Didn't Raise No Fool’, em parceria com o produtor da banda, Adam Messinger.

“Quando minha esposa ouviu, ela disse ‘você deveria começar uma banda’ e eu respondi ‘não...’ E, então, quando eu conheci Mark, há quatro anos e meio, começou a ‘Magic’. Logo, conhecemos Alex e Bem”, lembra, ao revelar a surpresa com a fama. “Surpreendeu, mas eu acho que foi porque temos uma boa química como banda, sabe? E um bom tema”, pondera.

Para Nasri Atweh, foi necessário muito trabalho antes de lançar o hit ‘Rude’ oficialmente e a receptividade do público brasileiro revela ter valido à pena. Na opinião dele, a banda cresceu muito pessoal, profissional e musicalmente desde que foi criada em Toronto. O grupo é inspirado em “The Police” e “Bob Marley & The Wailers”.

“Nos dedicamos muito, com o passar dos anos, e crescemos juntos como músicos. Nós só precisávamos de uma música que nos lançasse fora do Canadá. ‘Rude’ nos lançou e estamos muito animados pelo sucesso que temos no Brasil”, afirma. “Realmente amamos a sensação do reggae fusion ser nossa música e desejamos que mais pessoas possam ouvi-la”, enfatiza.

Conexão com o Brasil

Esta será a quinta vez que a banda canadense vem ao País em menos de dois anos e a primeira vez em Manaus. O show mais recente foi para os ganhadores de uma promoção da Coca-Cola, em maio. Questionado se há uma ligação diferente da “Magic” com o público verde e amarelo, o vocalista ressalta a sintonia com os brasileiros.

“É um povo que deixa o ritmo fluir. Os brasileiros parecem entender a nossa ‘vibe’, nosso estilo, nossa música, os sentimentos com o reggae, com a música soul. Eu sinto que a cultura brasileira é descontraída e nossa música é muito descontraída. Ficamos muito felizes com essa conexão com os brasileiros”, diz.

Nasri Atweh afirma acreditar que as turnês são oportunidades de conhecer novas culturas e artistas de outras nações. Sobre a chance de pousar em um Estado em meio à Amazônia, o músico espera conhecer além do que o calor e a umidade das quais ouviu falar.

“Será algo novo. Espero pode dar uma olhada na floresta e em volta”, declara. “Uma das coisas que eu amo nessas viagens é a oportunidade de conhecer novos artistas. Gostaria de conhecer a cultura e a música brasileira um pouco mais, espero passar mais tempo aí e realmente aprender mais sobre a música do Brasil”, conclui.

TRÊS PERGUNTAS para Nasri Atweh

Por que será que a canção 'Rude' faz tanto sucesso?

“Eu acho que, às vezes, você escreve uma música que as pessoas irão amar para sempre. Talvez ‘Rude’ seja uma dessas canções. Nós também esperamos fazer sucesso com ‘No Regrets’, uma das canções do nosso novo álbum. Acho que os fãs gostam tanto de ‘Rude’, porque dedicamos um bom tempo a essa música. Há muito música fusion por aí, mas acho que nos dedicamos nela para ter certeza de que estava pronta para que as pessoas pudessem aproveitá-la por muito mais tempo. Nós somos escritores de letras de música.”

Vocês pretendem conhecer a floresta amazônica?

“Ouvimos falar que será quente e úmido. Nós ficaremos muito felizes de ir aí, perto dos nossos fãs. Eu acredito que conheceremos mais ainda no hotel e vamos fazer uma pequena viagem à floresta para poder ver de perto. Não importa aonde vamos, em lugares diferentes, dificilmente temos tempo de conhecer. Mas espero pode dar uma olhada em volta e saber como é a vida aí.”

Quais são os planos da banda para os próximos anos?

“Os planos que temos para 2017 são os mesmos para 2018, 2019, 2020... É fazer música , tocar em shows, conhecer muitas pessoas ao redor do mundo e estar perto dos nossos fãs. Fazer, tocar e compartilhar música. É isso o que queremos fazer.”

Integrantes da banda ‘Magic’

Nasri Atweh – Voz principal e guitarra

Mark Pellizzer – guitarra, vocals

Ben Spivak – Baixo, backing vocals

Alex Tanas– Bateria, backing vocals

Publicidade
Publicidade