Quinta-feira, 12 de Dezembro de 2019
MÚSICA POPULAR

Nicolas Jr. grava DVD no Teatro Amazonas em show gratuito nesta quarta (13)

"História e Geografia do Amazonas em Cantoria", que tem previsão de lançamento para 2020, é também o primeiro DVD da longa carreira de Nicolas Jr.



nicolasjr_show_DVD_0C4178C8-24A0-4F27-BCF8-308C44FF0DCC.jpeg Cantor diz que há muito tempo tinha vontade de fazer um trabalho que contemplasse o estudo da história e geografia do Amazonas - e popularizar esse estudo através da música
13/11/2019 às 14:41

Poucos conhecem tão bem o “amazonês” como o cantor e compositor Nicolas Jr. Especialista quando o assunto é retratar o dialeto, a cultura e a realidade do amazonense, o músico alia uma bagagem de mais de duas décadas de carreira à sensibilidade artística para firmar o amor pela região dando um salto inédito: ensinar através da música em seu mais novo projeto, o DVD ‘História e Geografia do Amazonas em Cantoria’, que será gravado na noite desta quarta-feira (13), às 20h, no Teatro Amazonas.

Com entrada gratuita, Nicolas Jr. apresenta no palco do célebre cartão-postal amazonense vinte canções inéditas, onde aborda temas sobre a história e a geografia do Estado. Entre as temáticas estão a fase colonial, a vinda dos negros para o Amazonas, a história da Zona Franca, rios e até aspectos políticos como desmatamento e preservação da Amazônia.



“Há muito tempo eu tinha vontade de fazer um trabalho que contemplasse o estudo da história e geografia do Amazonas e popularizar esse estudo através da música, porque ela é um vetor muito forte de propagação de ideias”, explica o artista.

O trabalho, que tem previsão de lançamento para 2020, é também o primeiro DVD da longa carreira de Nicolas Jr. A decisão de só agora lançar um trabalho do tipo tem a ver, segundo ele, com uma fase de amadurecimento e de novas formas de consumo da música.

“Hoje eu me sinto mais maduro para fazer um trabalho em vídeo. As plataformas contemplam muito essa coisa do audiovisual e por isso a ideia do DVD, até pra divulgar em bares com telões, restaurantes, esses lugares públicos que operam muito com o formato”, explica.

Professores ajudaram

Para dar vida ao projeto, o músico contou com o apoio da Manauscult e de professores da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) que, segundo Nicolas, cederam um material científico para embasar as composições. O cantor ressalta ainda que a relação de seu trabalho com o trabalho dos professores da rede pública é estreita e vem de tempos.

“Algumas músicas minhas já vinham sendo usadas para educação. Estudos da língua usam ‘Amazonês’, estudos do peixe e diversidade... alguns professores usam a ‘Feira da Panair’, ‘Geisilane’ também, que é um recorte da periferia das grandes capitais. Então essas músicas já eram objetos de estudo”, conta Nicolas.

Jeitinho amazonense

Natural de Santarém, no Pará, Nicolas Júnior se mudou para a capital amazonense em meados de 1998, quando começou de fato sua carreira como músico profissional. Se hoje o artista possui uma relação íntima com a cultura do Estado, cantando a vida do amazônida em seus discos lançados até então, o culpado por essa aproximação tem nome e sobrenome: o jornalista e radialista Joaquim Marinho.

“A minha música é muito pautada em contar a história do nosso povo e sociedade, aspectos da culinária, da cultura, da política, da língua e do jeito de ser. Tudo começou quando o Joaquim Marinho me deu um norte e falou ‘olha, esquece essa coisa da música de rádio, tenta criar uma história, uma cara’ e ai foi onde eu fui me identificando. É um retrato comum que ta acontecendo nesse momento em algum lugar da cidade”, diz.

Serviço

O quê:  Gravação do DVD ‘História e Geografia do Amazonas em Cantoria’, de Nicolas Jr.

Onde:  Teatro Amazonas, Centro

Quando: Hoje (13), às 20h

Ingresso: Entrada gratuita

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.