Publicidade
Entretenimento
ENTREVISTA

'O público de Manaus reflete toda a energia da região', afirma o compositor Toquinho

Artista se apresenta na capital amazonense ao lado da cantora Camilla Faustino, nesta sexta-feira (29) 28/09/2017 às 13:41
Show toq alta marcos hermes
Toquinho deve lançar um DVD comemorativo até o fim do ano (Marcos Hermes/Divulgação)
Rosiel Mendonça Manaus (AM)

O compositor e violonista Toquinho volta a se apresentar nesta sexta-feira (29) em Manaus, no Teatro Manauara, a partir de 21h. Desta vez, o artista receberá a cantora Camilla Faustino no palco, revelação da MPB e conhecida por trabalhar com vários artistas renomados em São Paulo.  Os ingressos ainda estão à venda no site www.ingresse.com e na bilheteria do teatro, localizada no Piso Buriti do Manauara Shopping. 

O show, que promete ser mais intimista, ainda é uma comemoração pelos 50 anos de carreira do compositor. Não faltarão os solos de violão e fatos ligados à sua trajetória artística. O formato continua o mesmo: Toquinho fará a parte dele, Camilla apresentará sua parte, e juntos dividirão o palco.

As histórias são um dos pontos mais marcantes do espetáculo musical, pois é quando o artista conta as experiências engraçadas que viveu ao lado de seu amigo Vinícius de Moraes e com os demais parceiros de carreira. O público adora ouví-las e se diverte com elas  - o artista também. Ele falou um pouco mais sobre o espetáculo na entrevista a seguir: 

O seu show é um completo sucesso em Manaus, tanto que você volta pouco tempo depois da última apresentação. Como é a energia do público de Manaus?

O público de Manaus reflete toda a energia da região. Há um calor humano em cada aplauso, nos olhares carinhosos da plateia. É sempre muito prazeroso me apresentar aí em Manaus.

Que momentos do show você destacaria?

O show conserva um dinamismo intimista. Com canções que o público gosta de cantar junto, alguns solos de violão, alinhavados com casos que costumo contar e que são relevantes em minha carreira. Por outra parte, há a participação da Camilla Faustino, jovem cantora que valoriza o espetáculo com sua voz afinada e sua performance.

E como foi esse encontro com a Camilla e como  resolveu firmar essa parceria com ela?

Desde minha parceria com Vinicius, a presença feminina tornou-se marcante nos shows. É importante manter novos talentos e usufruir da renovação. Além de tudo, valorizam o espetáculo com sua graciosidade e fluência de palco. Principalmente quando há a sincronia natural de vozes e amizade. Tenho trabalhado ao lado de intérpretes que se ajustam às minhas características musicais apesar do noviciado profissional, e Camilla Faustino é um dos exemplos dessas experiências. Conheci Camilla despontando nos palcos dos programas de TV e tive o privilégio de convidá-la para meus shows.

Você acompanha muitos artistas contemporâneos? O que acha da música brasileira hoje?

Procuro estar atento a tudo que se relaciona com a MPB. O momento é de transição. Nosso país é muito musical e passa por mudanças em todos os sentidos. Temos muitos talentos em vários estilos, mas certamente os mais criativos e dedicados vão criar o seu espaço e consolidar suas carreiras. Sempre afirmo que não basta só inspiração: a transpiração faz parte da conquista.

Você se dedica a algum projeto de disco atualmente? Que novidades vêm aí?

Trabalho sem pressa, vasculhando temas que o cotidiano me oferece e colecionando as melodias até que o momento propício se oferece para sua divulgação. Estou finalizando um CD em parceria com Paulo César Pinheiro. Até dezembro lanço o DVD “50 anos de carreira”, com participação de Paulo Ricardo, Mutinho, Tiê, Anna Setton e Verônica Ferriani. E dou sequência às parcerias de palco com Ivan Lins, MPB4, João Bosco, entre outros, e às viagens internacionais.

Serviço

o quê: Toquinho e Camilla Faustino

onde: Teatro Manauara (Piso Buriti do Manauara Shopping, av. Mário Ypiranga Monteiro, 1300, Adrianópolis)

quando: Sexta, dia 29

quanto    Setor A – R$ 150 (meia) e Setor B – R$ 120 (meia)

Publicidade
Publicidade