Domingo, 25 de Agosto de 2019
OFICINA

Oficina audiovisual ministrada na UFAM inicia aulas nesta sexta-feira

Projeto gratuito desenvolvido pelo cineasta Thiago Morais, em parceria com no Museu Amazônico da Universidade Federal do Amazonas, ganha nova edição



1503752_D3C86FB2-0BB7-4F4C-A308-4968F5858C58.jpg O projeto gratuito chega à sua sexta edição e acontece de 9 de agosto a 16 de setembro, no Museu Amazônico da Universidade Federal do Amazonas
07/08/2019 às 10:45

Já diria o saudoso Glauber Rocha, cineasta expoente do cinema novo brasileiro: "uma câmera na mão e uma ideia na cabeça". Apenas isto e já se tem o bastante para começar a fazer um filme? Talvez não. Fato é que, na dúvida, uma aula ou outra de roteiro, direção e produção sempre cai bem em quem tem planos de seguir na carreira audiovisual.

Pensando nisso, o cineasta Thiago Morais criou, há cerca de três anos, a Oficina de Produção Audiovisual, em parceria com o Programa de Apoio à Realização de Cursos e Eventos (Parec), da Universidade Federal do Amazonas (Ufam). O projeto é gratuito e chega à sua sexta edição, que acontece de 9 de agosto a 16 de setembro, no Museu Amazônico, às segundas, quartas e sextas-feiras, sempre das 9h às 12h.

"É uma oficina marjoritariamente prática. Durante a primeira semana de aulas temos um pouco de teoria de roteiro, produção e direção. Já na semana seguinte, partimos para a prática com aulas de direção de fotografia, montagem, entre outros aspectos importantes na feitura de um filme", afirmou o Morais.

De acordo com ele, o objetivo da oficina, além de levar um novo público para movimentar o Museu da Amazônia, é abordar todo o processo de criação de um produto audiovisual, desde a concepção até a finalização. "No final, cada aluno sairá com um certificado de 60 horas e seu próprio filme pronto, que será exibido publicamente em um evento a ser realizado no dia 5 de novembro, no Dia do Cinema Nacional", adiantou o coordenador e criador do curso.

Formando profissionais

Com três turmas ofertadas ao ano, Morais conta que a procura pela oficina tem aumentado cada vez mais. Se nas primeiras edições, o número de inscritos era na faixa de 100 pessoas, agora esse número triplicou. Lembrando, claro, que o número de vagas é de apenas 40 alunos.

"Nem eu esperava por tamanha procura. Infelizmente, não temos estrutura suficiente para atender todos os interessados de uma vez. Portanto, faremos um processo de seleção. Quem não for chamado agora, ficará para a próxima turma", concluiu o cineasta, ressaltando que a ideia, ao longos dos anos, é formar um grupo de profissionais qualificados na área de produção audiovisual, em Manaus.

Carreira

O amazonense, formado em Produção Audiovisual pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA), atua no mercado desde 1995. Seu primeiro contato com a área de produção foi através da televisão e só então ele migrou para o cinema, onde já produziu diversos curtas-metragens.

Atualmente, o realizador está rodando o Brasil com seu curta 'A estranha velha que enforcava cachorros'. O filme, inspirado no conto de mesmo nome do escritor amazonense Carlos Gomes, foi produzido como trabalho de conclusão da faculdade.

Serviço

O quê: Oficina de Produção Audiovisual
Quando: de 9 de agosto a 16 de setembro
Local: Museu Amazônico (Ramos Ferreira, 1036 - Centro)
Horário: das 9h às 12h
Valor: gratuito
Mais informações: 99468-8911.

Receba Novidades

* campo obrigatório
Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.