Publicidade
Entretenimento
MÚSICA

Orquestra de Iniciantes Camerata Amazônica realiza audição externa para jovens talentos

Objetivo é formar uma orquestra abrangendo instrumentos musicais como violino, viola, violoncelo e contrabaixo 31/07/2017 às 16:11
Show cultura
Para efetuar as inscrições, é preciso ter a idade entre 7 e 20 anos e apresentar documento com foto (Foto: Divulgação/SEC)
acritica.com Manaus (AM)

Com o objetivo de localizar jovens talentos para o cenário musical do Amazonas, a Orquestra de Iniciantes Camerata Amazônica, do Liceu de Artes de Ofícios Claudio Santoro, no período de 7 a 11 deste mês, abre inscrições para audições externas. A Orquestra Camerata Amazônica tem o intuito de formar jovens instrumentistas para a concepção de uma orquestra de cordas jovem, abrangendo instrumentos musicais como violino, viola, violoncelo e contrabaixo.

Para efetuar as inscrições, é preciso ter a idade entre 7 e 20 anos e apresentar documento com foto (RG), no horário de 8h às 17h, de segunda-feira a quinta-feira, e das 8h às 14h, na sexta-feira, no setor Secretaria Escolar – Bloco F – Centro de Convenções (Sambódromo). Menores de 18 anos devem estar acompanhados do responsável legal.

"Com alguma noção em instrumentos de corda, os alunos vão trabalhar em conjunto e adquirir novas experiências com instrumentos diferentes daqueles que já tocam”, destaca a maestrina e violinista búlgara Elena Koynova, que coordena há 10 anos a Camerata Amazônica. Koynova também ressalta que o trabalho desenvolvido junto aos alunos tem uma didática especial. “Com o público infanto-juvenil sempre há muita conversa. E o lúdico também contribui com o ensino, tornando as aulas mais divertidas”, disse.

Audições

Na audição, a ser realizada no dia 14 de agosto, de 14h às 17h, os candidatos deverão apresentar uma peça de livre escolha e uma escala para executarem a referida apresentação. Adolescentes com menos de 18 anos devem estar acompanhados dos responsáveis legais.

A Orquestra de Iniciantes Camerata Amazônica foi criada em 2005 por meio de trabalhos artísticos e também da iniciativa da maestrina e violinista Elena Koynova. Com ensaios semanais, às segundas e quartas-feiras, das 14h às 17h, na própria unidade do Liceu, no Centro de Convenções Sambódromo, Bloco C – Salão de Regência, a orquestra também objetiva destacar jovens que buscam oportunidades no mundo da música, colaborando com o crescimento deles e salientando a valorização de trabalhos artísticos e culturais.

Publicidade
Publicidade