Publicidade
Entretenimento
Música

Orquestra Experimental da Amazonas Filarmônica tem Concerto de Fim de Ano

Espetáculo, que encerra a temporada 2018 da orquestra, apresenta obras de Tchaikovsky, Max Bruch e César Franck 07/12/2018 às 15:41 - Atualizado em 08/12/2018 às 08:20
Show malheirofoto2 86caf5ca 6cc5 40b1 914e cd7ab2012a16
Com entrada gratuita, concerto terá a regência do maestro Luiz Fernando Malheiro (foto: Euzivaldo Queiroz/Arquivo AC)
Lucy Rodrigues Manaus, AM

A Orquestra Experimental da Amazonas Filarmônica apresenta neste sábado, 8, às 20h, no Teatro Amazonas, o “Concerto de Fim de ano”, com obras dos compositores Pyotr Tchaikovsky, Max Bruch e César Franck, sob regência do maestro Luiz Fernando Malheiro. A entrada é gratuita.

Dividido em duas partes, o espetáculo, que encerra a temporada 2018 da orquestra jovem, terá duração de uma hora e quarenta minutos, com intervalo de quinze minutos. “No concerto teremos dois solistas, um bastante jovem, Thiago Barbosa, que além de músico da Experimental também está tocando como estagiário na Filarmônica. Ele vai apresentar a obra Pezzo Capriccioso, para violoncelo e orquestra, op.62 (1887), de Tchaikovsky, que é bem bonita”, adianta o maestro Malheiro.

Depois, será a vez do Concerto para violino n.1 em sol menor, op.26 (1866), de Max Bruch, e o solista será Giovanny Conte, músico da Amazonas Filarmônica e monitor do naipe de violinos da Experimental.

“Após o intervalo, na segunda parte do concerto, teremos a Sinfonia em ré menor (1888) de César Franck, que é uma sinfonia bem difícil, tanto tecnicamente quanto musicalmente, a parte de interpretação, e a gente preparou isso com muita tranquilidade, com muito cuidado porque a queremos que a orquestra apareça bem”, completa.

A orquestra

A Orquestra Experimental da Amazonas Filarmônica foi criada em 2007, pelo maestro Luiz Fernando Malheiro, como forma de complementar a formação de instrumentistas para ocuparem os assentos das orquestras mantidas pela Secretaria de Cultura do Amazonas. Em 2017, comemorou sua primeira década de vida, com o concerto “10 Anos de Sucesso”, revisitando composições que fizeram parte da trajetória ao longo desse período.

“Ela foi criada com essa preocupação com os músicos jovens que estão nesse período entre estudo e profissionalização. Para se profissionalizar como músicos de orquestra eles têm que ter essa experiência. Cada naipe tem um mentor, que é da Amazonas Filarmônica e que dirige a seção daquele instrumento, portanto ensina, dá todas as dicas. Eu acho muito importante para a carreira deles esse convívio e esse contato com a orquestra. Ao longo desses anos, o quadro já se renovou várias vezes, pois tem esse caráter de formação. Os músicos têm uma bolsa, com três categorias de valor, assim como tem as categorias de salário na orquestra. É bom eles terem essa consciência que na vida quem estuda mais se sobressai mais”.

 

Serviço:

O quê: Concerto de Fim de Ano da Orquestra Experimental da Amazonas

Quando: 08 de dezembro, sábado, às 20h

Onde: Teatro Amazonas

Duração: 1h40

Quanto: Gratuito

Publicidade
Publicidade