Publicidade
Entretenimento
PREMIAÇÃO

Palpites: Saiba quem são os favoritos ao Oscar 2017 nas principais categorias

O BEM VIVER reuniu quatro especialistas no assunto para darem seus palpites sobre quem deve levar a estatueta pra casa este ano. Premiação que chega a sua 89ª edição ocorre na noite deste domingo (26) 23/02/2017 às 17:31
Show bv0123 001f
Cerimônia acontece neste domingo, dia 26, e terá transmissão exclusiva pelo canal pago TNT a partir das 20h
Juan Gabriel Manaus (AM)

Pode preparar a pipoca e o refrigerante que na noite deste domingo (26), a premiação mais tradicional e importante do cinema mundial chega a sua 89ª edição. A cerimônia de entrega do Oscar premia anualmente os principais destaques da sétima arte ao longo do ano em diversas categorias. Dentre as principais: Melhor Direção, Melhor Ator/Atriz Coadjuvante, Melhor Ator/Atriz, e claro Melhor Filme.

Faltando apenas três dias para que o público descubra quem são os mais novos consagrados pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, o Bem Viver reuniu um time de peso para dar seus palpites sobre quem deve levar a estatueta dourada para casa nas principais categorias. Entre os convidados estão Deborah Haven, criadora e diretora da Dream House Picture, Diego Bauer, redator do projeto CineSet, Lucas Simões, criador e diretor da Lens Produções e Francisco Russo, editor-chefe do site adorocinema.

Melhor Direção

Por aqui, o favoritismo fica em cima do nome de Damien Chazelle (La La Land: Cantando as Estações). “Eu creio que o Chazelle teve uma excelência ao dirigir La La Land. Não só isso, mas uma sensibilidade artística tão grande que quase não se vê mais nos filmes de Hollywood hoje”, justifica o diretor Lucas Simões.

Este é o segundo trabalho expressivo da carreira do jovem diretor de apenas 35 anos – que também assina a direção do prestigiado longa Whiplash. Para Francisco Russo, o trabalho de Chazelle consegue impactar pela forma com a qual é conduzido. “Mais importante até que a história é a forma como é contada por Damien Chazelle: vibrante, ousada e encantadora.”

Melhor Ator e Atriz Coadjuvante

Neste ano o grande favorito para o prêmio de melhor ator coadjuvante é o norte-americano Mahershala Ali (Moonlight: Sob a Luz do Luar). Quase uma unanimidade nas principais premiações que antecedem o Oscar, o ator encara a missão de dar vida a um traficante no filme que narra a história de um garoto negro no subúrbio de Miami. “Achei espetacular o trabalho dele. É um personagem difícil e bem complexo com uma atuação super interessante desse ator, está em boas mãos e acho que é uma categoria que não tem muita surpresa”, pontua Diego Bauer.

Já para melhor atriz coadjuvante, Viola Davis também lidera a nossa lista de apostas. Ela encarna Rose, uma mãe de família que a todo momento tenta apaziguar a relação entre seu marido Troy e seu filho em Um Limite Entre Nós. Para Francisco Russo, a estatueta seria a consagração de um discurso empoderado na luta contra o preconceito em Hollywood. “Uma das atrizes mais queridas e reconhecidas da atualidade, Viola é também um ícone na luta pela diversidade. Basta lembrar o contundente discurso que fez no Emmy, quando foi a primeira atriz negra a vencer na premiação”.

Melhor Ator e Atriz Principal

Na que pode ser tida como a categoria mais indefinida até o momento, as especulações se dividem quanto a quem deva ganhar o Oscar de melhor ator. Para Lucas Simões, a estatueta deve ir para Andrew Garfield por seu trabalho em Até o Último Homem. Entre os demais, a disputa deva ser entre Casey Affleck (Manchester a Beira Mar) e Denzel Washington (Um Limite Entre Nós).

Entre as mulheres, outro embate. Para Deborah Haven o trabalho de Natalie Portman em Jackie vale a estatueta. Já os três entram no consenso de que Emma Stone é a grande favorita, aproveitando o embalo do sucesso de La La Land, onde interpreta a protagonista Mia.

Melhor Filme

Na categoria mais aguardada da noite, La La Land é o grande favorito a levar o prêmio em 2017. O musical domina as indicações ao Oscar esse ano – O filme concorre em treze categorias, igualando o recorde pertencente a Titanic desde 1998 – e deve levar o principal. “La la Land é um verdadeiro espetáculo no cinema. É envolvente e possui uma linguagem cinematográfica única. As inúmeras indicações foram bem merecidas”, afirma Lucas Simões.

O longa conta a história do pianista de jazz Sebastian (Ryan Gosling). Ao se mudar para Los Angeles ele conhece a atriz iniciante Mia (Emma Stone) e os dois se apaixonam perdidamente. Os dois buscam a fama e sucesso enquanto lutam para que o relacionamento amoroso de certo.

Publicidade
Publicidade