Publicidade
Entretenimento
Vida

Peça 'Casar pra quê?' retorna a Manaus para apresentação dupla

Há quase oito anos em cartaz, a comédia romântica é encenada por Alessandro Anes e Daniele Niño, com direção do ator e comediante Eri Johnson 11/06/2015 às 15:41
Show 1
Em clima de romance pelo Dia dos Namorados, Manaus recebe o divertido espetáculo “Casar pra quê?”
JÉSSICA AMORIM ---

Em clima de romance pelo Dia dos Namorados, Manaus recebe o divertido espetáculo “Casar pra quê?”, apresentado no Teatro Manauara nos dias 13 e 14 de junho.

Há quase oito anos em cartaz, a comédia romântica é encenada por Alessandro Anes e Daniele Niño, com direção do ator e comediante Eri Johnson, e trata sobre o casamento e as diferenças de um casal que se desentende por uma série de razões, mas que sempre acabam se recordando de que o amor vale mais.

Em entrevista ao BEM VIVER, o ator Alessandro Anes, que também assina a autoria da peça, explica que a ideia do espetáculo surgiu quando ele começou a notar como as reclamações sobre o casamento eram comuns em mesa de bar.

“Em 2006, fui padrinho de quatro amigos meus. Todo mundo casando e eu ficando para trás. E eles começaram a falar da realidade do casamento, a transformação da namorada para mulher. Se sentavam para se queixar, fazer ‘drama’ e no fim a gente acabava rindo”, compartilha Alessandro, que viu no assunto o potencial da comédia. “Drama a gente transforma em comédia e não inventa, só aumenta”.

A ideia inicialmente seria escrever um monólogo sobre o tema relacionamento, mas logo viu que seria necessário uma segunda personagem.

“Comecei a escrever sobre despedida de solteiro, na verdade. Mas durante o processo sempre surgia essa outra pessoa que era a mulher. Foi quando eu coloquei uma atriz e acabou funcionando”, explica Alessandro, que acrescenta que essa personagem influenciou em toda a história e no título do espetáculo. “Ficou ‘Casar pra quê?’, mas é importante dizer que em momento nenhum dizemos que somos contra o relacionamento. Eles sempre terminam fazendo as pazes”.

Identificação do público

Quem se relaciona ou já se relacionou sabe que não é fácil, mas que mesmo com todas as dificuldades, a força do sentimento ajuda a dar aquele jeitinho de tudo funcionar bem. Para Alessandro, é esse mote da peça que garante seu sucesso.

“A gente fala de relacionamento, e assim a plateia se identifica com as situações. Não vai só o casado ou pessoas que namoram, mas grupos de amigas, rapaziada, todo mundo. Isso porque o texto é muito cotidiano, por ser relacionamento pode falar de tudo, satirizando”, conta.

Segundo Alessandro, o texto da peça e seus quadros são sempre atualizados. O autor acredita ser importante contextualizar a vida do casal a partir da realidade para manter o caráter cotidiano, sem se esquecer da comédia. “Já na primeira cena eles casam e na noite de núpcias cai justamente no dia do futebol sagrado, o que ela acha um absurdo e já começa a discussão e a crise ali. Aquela coisa é toda normal, que a gente sabe que tem no dia a dia”, diz.

Em Manaus

Esta já é a quarta vez que “Casar pra quê?” se apresenta na cidade e tudo isso graças ao carinho do público local pelo espetáculo. “Aí sempre esgotamos as sessões, sempre tem pessoas voltando para casa”, afirma Alessandro, que considera Manaus uma das melhores cidades. “Pela plateia, pelo retorno, sempre voltamos fascinados daí”, diz.

Ele acredita que além do apelo já conhecido da peça, ainda tem o fato de ser logo próximo ao Dia dos Namorados, o que pode interessar ainda mais gente devido ao tema.

O autor diz ainda que Manaus também é especial por fazer parte da história da peça. “Nossa primeira turnê, em 2010, teve estreia nacional em Manaus, nossa primeira cidade da turnê. Então temos um carinho diferente por Manaus”.

História realE ao ser questionado sobre a sua própria história de amor, Alessandro compartilha uma diferente e interessante.

Hoje em dia já casado, ele diz ter conhecido sua mulher em uma apresentação do “Casar pra quê?”. “Foi uma situação engraçada, eu a conheci quando ela foi com as amigas assistir à peça. Como tínhamos amigos em comum, foi todo mundo pro restaurante jantar, nos conhecemos melhor, namoramos e casamos”, conta.

Alessandro ainda conta brincando que a avisou desde o começo que ele não era muito diferente do seu personagem na peça: “Eu disse a ela: ‘É isso mesmo que você quer para você?’”, diverte-se.

SERVIÇO

O QUÊ: Espetáculo “Casar Pra Quê?”
QUANDO: 13 de junho (sábado), às 21h / 14 de junho (domingo), às 20h
ONDE: Teatro Manauara – Piso Buriti - Manauara Shopping - (Av. Mário Ypiranga Monteiro, 1300 – Adrianópolis)
QUANTO: R$ 80,00 (inteira) / R$ 40,00 (meia-entrada)
INFO: (92) 3342 8030 VENDAS: Bilheteria do Teatro e site www.ingresse.com


Publicidade
Publicidade