Publicidade
Entretenimento
Vida

Pratos coloridos de Nívea Salgado atraem crianças para uma alimentação saudável

Invenções da dentista amazonense, autora do blog ‘Mil Dicas de Mãe’, são esmiuçadas por Nívea em entrevista exclusiva para o VIDA & ESTILO 07/09/2014 às 14:46
Show 1
Depois na iniciativa, a filha de Nívea Salgado passou a gostar de diversas frutas e verduras
Gabriel Machado Manaus (AM)

Uma alimentação regrada e equilibrada é a receita ideal para uma vida longeva e saudável. E a instrução de certos alimentos, como frutas e legumes, ricos em vitaminas e minerais, deve ser feita logo na infância, período em que o hábito alimentar é formado. No entanto, não é novidade para ninguém que o primeiro contato da criança com esse tipo de comida nem sempre é tão fácil. Às vezes, a grande relutância dos pequenos em saborear uma maçã ou salada acaba fazendo com que os pais desistam da tarefa - o que pode prejudicar o crescimento e o desenvolvimento do filho.

Passando exatamente por essa fase, há cerca de nove meses, a dentista Nívea Salgado criou uma alternativa super criativa para que a filha Catarina, de 3 anos de idade, topasse experimentar alimentos mais saudáveis: ela passou a montar pratos coloridos e divertidos, decorados com alguns dos personagens favoritos da menina.

“Quando bebê, ela comia bem. A introdução dos sólidos foi super tranquila. Por volta dos 2 anos de idade, mudou muita coisa”, conta Nívea, fundadora do blog Mil Dicas de Mãe (www.mildicasdemae.com.br), em entrevista exclusiva ao VIDA & ESTILO. “Pelo fato de eu ter liberado outros alimentos, a Catarina ficou bem mais seletiva nas refeições e passou a recusar certas frutas e verduras. Era uma guerra”, completa.

Foi então que, no dia 1º de janeiro deste ano, inspirada por publicações nas redes sociais, a blogueira resolveu arriscar um prato diferente. Utilizando-se de damascos, ela recriou uma coruja para a filha. A alternativa deu certo. “Ela comeu tudo”, frisa Nívea. “A partir daí, comecei a fazer esses pratos e a Catarina passou a experimentar o que, antes, não queria”, acrescenta ela, que passou a atender os pedidos da primogênita na hora de elaborar as divertidas refeições: “Minha filha gosta muito de princesas, então ela pede todas (risos)”.

 
Alguns dos lindos pratos criados por Nívea (Divulgação)

Importância

De acordo com Nívea, a ideia não apenas diminuiu os conflitos na hora de comer como também refinou o hábito alimentar de Catarina. Uva, morango, laranja, rúcula, alface e agrião, alimentos que não faziam parte das refeições diárias da pequena, passaram a figurar com mais naturalidade nos pratos “normais” feitos pela dentista.

“Só conto o que é depois dela comer. Como não consigo usar essa tática em todas as refeições, quero que ela saiba que certos alimentos são bons e gostosos, mesmo que não estejam num prato decorado”, diz Nívea. “Mais do que querer, a mãe sabe a importância de uma alimentação saudável. É muito importante ter essa variedade. Você deixa de ‘guerrear’ e traz algo interessante e que faz parte do universo da criança”.

Às mães que têm um certo receio de não conseguirem dar conta da tarefa, a blogueira dá uma acalmada: “Qualquer uma pode fazer”, afirma. “Nunca fiz nenhum curso nem nada. Acho que, pelo fato de ser dentista, eu já tenho uma habilidade manual. Talvez por isso seja fácil para mim”.

Publicidade
Publicidade