Sábado, 19 de Outubro de 2019
OUTUBRO

Prefeitura de Parintins abre inscrições para o Festival de Toada 2019

No ato da inscrição será aceito somente composições inéditas, os compositores terão que encaminhar a documentação em envelope identificado com o nome da toada e demais conteúdos



aaagora_toada_0B877BFE-9070-405E-8B30-FC8D09D6C1B2.JPG Foto: Divulgação
23/09/2019 às 10:38

A Prefeitura de Parintins abre inscrições para o Festival de Toada 2019. As inscrições podem ser realizadas até o dia 02 de outubro, no Centro de Atendimento ao Turista (CAT), de 08h às 14h.

No ato da inscrição será aceito somente composições inéditas, os compositores terão que encaminhar a documentação em envelope identificado com o nome da toada e demais conteúdos de acordo com o que solicita o edital. As inscrições são gratuitas e deverão ser entregues no prazo, não havendo prorrogação.
 
A toada deverá ser entregue em CD, gravada em ótima condição, acompanhada de 08 (oito) cópias da letra da toada, sem nenhuma identificação do(s) compositor (es), apenas com o título da obra e 02 (duas) cópias da letra da toada cifrada, para ser submetida à apreciação e seleção. Cada compositor poderá inscrever o número máximo de 02 (duas) toadas, incluindo parcerias e as mesmas deverão está em cd’s separados.
 
Dez toadas serão selecionadas e competirão entre si no dia 14 de outubro concorrendo aos prêmios de 1º, 2º, 3º, melhor intérprete e interprete revelação.
 
Das premiações fica estabelecido o valor de R$ 6 mil para o 1º lugar, R$ 3 mil para o 2º lugar, e para o 3º lugar R$ 2 mil. O melhor intérprete receberá o valor de R$ 1.500 e o intérprete revelação, R$ 1 mil.



Confira o edital do Festival de Toadas.

Confira o regulamento do Festival de Toadas

*Com informações de assessoria de imprensa 

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.