Sábado, 24 de Agosto de 2019
Delícias caseiras

Produção de panetones e chocotones é opção para quem precisa de renda extra

Pensando em aumentar a renda no período natalino, microempresários apostam na produção do produto caseiro



1169555.JPG Karen Said se formou em biomedicina, mas foi com a produção de doces que resolveu trabalhar há mais de um ano (Foto: Aguilar Abecassis)
09/12/2016 às 14:27

Com a chegada do fim do ano e as preparações para a ceia, não pode faltar na mesa panetones e chocotones para adoçar as datas. Muita gente aproveita e recorre a produtos mais elaborados que diferente dos comprados no supermercado, recebem um toque mais caseiro. Foi pensando nessa procura que as personagens da coluna "Não Crisa"  resolveram apostar na produção dessa delícia para aumentar o faturamento no fim do ano.

Karen Said se formou em biomedicina, mas foi com a produção de doces que resolveu trabalhar e, há mais de um ano, investe diretamente na marca que ela criou, a Cupcakes Gourmet. “No início comecei com os cupcakes, por conta própria, olhando receitas na internet, depois fui fazendo cursos e investindo cada vez mais”, conta.

Chocotones recheados

Esse ano Karen ofereceu aos clientes uma nova opção de doces, os chocotones recheados e viu seu faturamento crescer em apenas um mês de trabalho. Ela começou a divulgar o novo produto em outubro e em novembro atendeu mais 15 clientes que a procuraram somente para comprar os chocotones.

Todos os chocotones recebem uma grande camada de recheio e cobertura nos sabores que o cliente escolher entre eles: brigadeiro, prestígio, leite ninho com Nutella, Kinder Bueno,Kitkat e sonho de falsa, além do tradicional panetone com frutas cristalizadas.

Passado e futuro

Karen seguiu os passos da mãe, que foi Rainha do Peladão, e foi candidata no concurso do ano passado. Ela chegou até a fase eliminatória para entrar no barco. Depois que saiu do concurso, investiu nos cursos de confeitaria aqui em Manaus e em São Paulo, para aprimorar técnicas para oferecer doces de qualidade. “Também fiz cursos de culinária saudável e já tenho no meu cardápio brownie de batata doce e bolo de pote fit”.

Grávida de cinco meses e prestes a se casar, ela planeja abrir em 2017 um ateliê que também vai funcionar como loja física, para atender melhor os clientes.

Aposta certa e muitas encomendas


(Foto: Clóvis Miranda)

O casal Alessandra Monteiro e Alexandre Vieira já trabalham com bolos e outros tipos de doces há mais de três anos, sempre como complemento de renda. Ela é analista de recursos humanos e ele corretor de imóveis. Os dois usam as datas comemorativas para melhorar o faturamento participando de feiras e eventos, além de verem o final do ano como uma ótima oportunidade.

“Como trabalhamos o dia todo, a nossa produção começa a noite, quando chegamos do trabalho e nos fins de semana”, explica Alessandra.

Especialistas em pão de mel, alfajor, bem casados, bolo no pote e bolos decorados, eles também aproveitaram o período natalino para preparar panetones tradicionais e trufados e não se arrependeram. Em um mês de produção, já chegaram a receber grandes encomendas. “Uma empresa encomendou 1,5 mil panetones para presentear funcionários e clientes, o que mostra que fizemos a aposta certa”, conta a analista, que a até o dia 20 de dezembro vai receber encomendas.

Os preços dos panetones custam R$ 4,50 (tradicional), R$ 7 (trufado) nos sabores chocolate, leite ninho, doce de leite e coco. Informações no 99106-4044.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.