Terça-feira, 19 de Novembro de 2019
SUCESSO

Produção do Festival Amazonas de Ópera, 'Fausto' chega ao Chile neste sábado

Os cenários e figurinos, confeccionados na Central Técnica de Produção (CTP) da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, foram alugados para a nova montagem no país vizinho.



opera_E97AF578-CFB4-4FEE-A423-6A283FA99DB1.JPG (Foto: Divulgação)
08/11/2019 às 18:15

A ópera 'Fausto', de Charles Gounod, produção de sucesso do 21º Festival Amazonas de Ópera (FAO), terá uma temporada de apresentações no Teatro Municipal de Santiago, no Chile, a partir deste sábado (09/11). Os cenários e figurinos, confeccionados na Central Técnica de Produção (CTP) da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, foram alugados para a nova montagem no país vizinho.

André Heller-Lopes, que assinou a direção cênica em Manaus, dirige também em Santiago e o baixo-barítono Homero Pérez, elogiado pela performance no Teatro Amazonas, volta ao papel de Mephistopheles. Antes do Chile, a produção também teve uma temporada com sete apresentações no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, no mês de julho



“É um momento muito especial para a produção de ópera no Brasil e na América Latina. O desenvolvimento destas parcerias entre países faz com que a nossa produção circule e seja conhecida. Para mim é uma grande honra e eu acabo sendo o primeiro brasileiro a dirigir no Teatro Municipal de Santiago. No Rio, a ópera foi um sucesso com todas as apresentações lotadas. Agradeço à Secretaria e ao secretário Marcos Apolo Muniz pelo empenho em levar a produção para outro país”, ressalta André.

A negociação para as apresentações no Rio de Janeiro e em Santiago tiveram início em uma reunião da Ópera Latinoamérica (OLA). “O diretor artístico do Teatro Municipal do Chile se interessou pela produção de ‘Fausto’ durante a reunião e, após vir a Manaus e ver a ópera no FAO, fez uma proposta para alugar a produção”, explica a produtora executiva do Festival,, Flávia Furtado. “Como o Rio de Janeiro também queria levar a produção, fizemos uma contrapartida entre os teatros. Como o coro do Teatro de Santiago é maior, a produção no Rio confeccionou figurinos extras e a ópera foi primeiro para lá. Após o Chile, a produção volta para Manaus e esses figurinos extras ficarão na CTP”.

O secretário de Estado de Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz, destaca que a temporada no Chile representa um reconhecimento à qualidade do que é produzido no Festival Amazonas de Ópera. “É a primeira vez que levamos uma produção do nosso Festival para fora do país. Isso mostra que temos condições de marcar presença em qualquer evento internacional, assim como atrairmos cada vez mais turistas do Brasil e do mundo para o nosso Estado, interessados nas nossas atividades culturais”, observa. "É uma ópera que faz parte do nosso acervo e leva o nome do nosso Estado para outras localidades, contribuindo com a nossa economia, já que o material é alugado", complementa.

'Fausto' terá seis apresentações em Santiago, nos dias 9, 11, 13, 14, 15 e 16 de novembro.

'Fausto' em Manaus – A produção abriu a programação do 21º FAO, em maio de 2018, no Teatro Amazonas. Sucesso de público e crítica, a ópera foi apresentada com a Amazonas Filarmônica e Coral do Amazonas, sob regência do maestro Luiz Fernando Malheiro.

 

O elenco internacional foi formado pela soprano francesa Isabelle Sabrié, como Marguerite; o tenor italiano Alessandro Luciano, como Faust; o baixo-barítono cubano Homero Perez, como Mephistopheles; o barítono uruguaio Marcelo Guzzo, como Valentin; a mezzo-soprano espanhola Anna Gomà, como Siebel; e os amazonenses Thalita Azevedo (mezzo-soprano), que interpreta Marthe, e Joubert Junior (barítono), Wagner.

 

Baseada na obra homônima do escritor Johann Wolfgang von Goethe, com libreto de Jules Barbier e Michel Carré, a ópera estreou no Théâtre Lyrique, em Paris, no dia 19 de março de 1859, e chegou a ser a obra de estreia do Metropolitan Opera, em Nova Iorque, em 1883, estabelecendo a reputação mundial do compositor francês Charles Gounod. Atualmente, a ópera é popular no mundo todo, tendo sido traduzida em mais de 25 idiomas. “Fausto” conta a história de um cientista que vende a alma para o diabo Mephistopheles, na tentativa de voltar à juventude e conquistar o amor de Marguerite

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.