Quarta-feira, 17 de Abril de 2019
publicidade
1.jpg
publicidade

Buzz

Projeto Clowntidianno lança a peça “Balões” neste sábado, dia 2° de maio, no Espaço das Cias

A montagem aborda, sob o olhar peculiar do palhaço Caco, a saudade. O personagem é uma criação do ator Jean Paladinno


ACRÍTICA.COM
30/04/2015 às 10:38

“Balões” é o primeiro espetáculo resultante do projeto Clowntidianno, um núcleo de pesquisa em clown do grupo Cartolas Produções. A montagem aborda, sob o olhar peculiar do palhaço, a saudade e será encenada neste sábado, dia 2° de maio, em duas sessões, às 19h e 20h30, no Espaço das Cias (localizado na Rua Dona Libânia, nº 330, Centro de Manaus). Os ingressos são limitados à capacidade de público da casa, 50 pessoas, e custam R$ 10 (meia-entrada) e R$ 20 (inteira).

Na trama de “Balões”, Caco é um palhaço andarilho e solitário que vive em busca de um lugar onde possa viver. O problema é que ele nunca consegue permanecer no mesmo local por muito tempo. O seu incômodo parte de dentro, da saudade que o segue onde quer que vá. Não importa onde arme sua casa, Caco sempre irá sentir falta de sua mãe.

“O Caco tem a capacidade de ser lírico. Ele não é um palhaço engraçado e espalhafatoso. O Caco é uma pesquisa pessoal, pois a linguagem do clown em isso. Ele é o Jean dilatado. Não é uma personagem, é apenas o ator dilatando suas possibilidades de atuação”, disse Jean Paladinno, idealizador do Clowntidianno e criador do Caco.

Em uma dessas caminhadas, o palhaço se firma em mais um lugar, porém desta vez resolve interagir com um vestido de sua mãe que, curiosamente, leva sempre em uma de suas malas. De forma atrapalhada e sem querer, Caco acaba vestindo o vestido e ficando preso nele. A situação termina por levar o protagonista a diversas confusões.

“O interessante do espetáculo é que ele é feito 50% pelo público e 50% pelo ator. A peça tem o seu roteiro, mas o público consegue alterá-lo”, garante Paladinno.

 A direção e concepção de cenário e figurino da encenação são assinados por Roberto Carlos Jr. e produzidos por Frank Kitzinger e Laury Gitana. A produção executiva fica a cargo de Richard Harts e a trilha original é de Ricardo Maia.

Produção

“Balões” traz humor e poesia num espetáculo solo com música ao vivo e, como toda montagem de palhaço, muita interação com o público presente no Espaço das Cias. A peça, que já foi uma breve cena de 20 minutos apresentada uma única vez no Teatro Manauara, é resultado de um extenso processo. A ideia do solo surgiu em 2013, quando o Cartolas Produções se engajou na pesquisa do clown e resolveu ir a fundo nesse curioso universo.

A partir dali, nascia o Clowntidianno, que já visitou praias, pizzarias, festas, shoppings, praças, bares e avenidas, entre outros lugares não convencionais. A atividade acontece no formato de intervenção e busca subverter o espaço, envolvendo as pessoas num grande jogo sem roteiro.

Serviço

O que é:Espetáculo “Balões”, do grupo Cartolas Produções

Quando: Neste sábado, dia 2 de maio, em duas sessões, às 19h e às 20h30

Onde: Espaço das Cias - localizado na Rua Dona Libânia, nº 330, Centro de Manaus

Ingressos: São limitados à capacidade de público da casa, 50 pessoas, e custam R$ 10 (meia-entrada) e R$ 20 (inteira)



publicidade
Curso de Engenharia da Produção é o que melhor paga estagiários em Manaus
Feirão do Pescado da Semana começa nesta quarta-feira (17) em Manaus
publicidade

publicidade

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.