Publicidade
Entretenimento
CAÇA TALENTOS

Projeto Passarela terá audições em Manaus para novos modelos, atores e youtubers

Inscrições já estão abertas para pessoas de 4 a 25 anos e o horário para a seletiva fica à escolha do candidato. Projeto Passarela é responsável por descobrir talentos como Larissa Manoela 14/03/2018 às 07:31
Show bv0114 2f
Foto: Divulgação/Reprodução
Tiago Melo Manaus (AM)

“Queremos desenvolver o potencial e a habilidade da expressão artística de novos talentos”, afirma Marcelo Germano, criador do Projeto Passarela. O programa, que descobriu Larissa Manoela e outros talentos, terá audições para novos youtubers, modelos, atores e artistas de teatro musical em Manaus, no dia 7 de abril, no Hotel Tropical, localizado na Avenida Coronel Teixeira, Ponta Negra.

De acordo com Germano, o projeto é dividido em três fases: a seletiva, a oficina e uma nova seletiva para escolher quem participa do MGT Encontro, que será realizado no ano que vem, em Brasília. O encontro nacional é o maior evento de networking da área no Brasil, reunindo mais de 3,5 mil talentos de todo o país. 

A seletiva em Manaus acontece em diversos horários, às 10h, 13h, 15h, 17h e 19h. Fica à escolha do candidato, que deve ter entre 4 e 25 anos, o melhor horário para participar da audição. Para os menores de 18 anos, é necessário o acompanhamento de um responsável e a declaração escolar. “Não é preciso ter experiência, nem ir com uma roupa específica, basta preencher a ficha de inscrição e ter força de vontade para conquistar seu sonho”, alertou Marcelo Germano, ressaltando que espera receber mais de 1 mil talentos no dia. 

“Todos através das seletivas tem a oportunidade de participar do encontro nacional. Não é um evento gratuito, mas é uma plataforma muito interessante no qual damos o apoio necessário para que o talento da criança e do jovem consiga chegar mais longe”, afirmou o fundador do Passarela. 

Com o objetivo de proporcionar conhecimento e oportunidade no meio artístico por meio do empreendedorismo, o Projeto Passarela, segundo Germano, está sendo desenvolvido em 100% do território nacional e conta com parcerias com mais de 40 escolas, incluindo o Balé Clássico Bolshoi. 

“Os pais não devem ficar preocupados com a decisão dos filhos, eles ainda não sabem o que querem e, ao participar do nosso projeto, ele terão uma experiência de vida que os ajudarão nessa escolha. Com o Passarela, eles poderão decidir se é isso mesmo que querem, se essa é a carreira que desejam ter. O projeto é totalmente familiar e ajuda a desinibir o talento e a integrar”, disse Germano.

Início do projeto

Marcelo Germano começou no ramo de modelos em 1992, ministrando aulas de passarela com a "Escola de Manequins e Modelos Marcelo Germano". Com a necessidade e a oportunidade de expandir seu conhecimento na área, organizou eventos que proporcionava aulas de passarela e de expressões corporais em várias cidades. 

Deu continuidade à escola e aos eventos até o ano de 2004, quando criou o Projeto Passarela e organizou a primeira Convenção de modelos e atores do Brasil, onde os talentos eram apresentados e escolhidos por várias agências. O Projeto Passarela leva para as maiores cidades do país audições e workshop com professores renomados na área de passarela e atuação.

Publicidade
Publicidade