Publicidade
Entretenimento
Concurso

Rainha do folclore do Garantido defende a faixa de Miss Amazonas Globo 2016 em maio

O certame é o mesmo vencido pela modelo Sheislane Hayalla, eleita Miss Brasil Globo em 2014, e que inclusive abocanhou o 2º lugar no Miss Globo Internacional 24/04/2016 às 11:09 - Atualizado em 24/04/2016 às 11:15
Show b0724 22f  apagar marca dagua
Isabelle foi Miss Manaus 2014, onde ficou na terceira colocação no Miss Amazonas daquele ano (Div./Mauro Jorge)
Laynna Feitoza Manaus (AM)

Levar a beleza da mulher do Amazonas para concursos do gênero requer talento. Mas o que a professora de espanhol Isabelle Nogueira, 22, quer é muito mais que isso. Atual rainha do folclore do boi Garantido, ela foi escolhida Miss Amazonas Globo 2016 e dispara: quer levar a cultura bumbá para lá, e quer colher como frutos dessa disseminação o encantamento das pessoas para a nossa festa folclórica. O concurso acontecerá no dia 8 de maio, em Brasília.

O certame é o mesmo vencido pela modelo Sheislane Hayalla, eleita Miss Brasil Globo em 2014, e que inclusive abocanhou o 2º lugar no Miss Globo Internacional. A modelo Priscilla Meirelles, representando o Amazonas, se consagrou Miss Globo 2003. “É uma responsabilidade enorme, porque são só nomes de peso. Não é um concurso que surgiu hoje, é um concurso de credibilidade em que o Amazonas só está em boas colocações”, assinala Isabelle.

Os desafios de Nogueira no concurso envolvem o porte físico. Como item do boi – onde eventualmente precisa ter mais medidas - Isabelle coloca que tem sido difícil se adequar às medidas de miss. “O problema é perder medidas no bumbum. Emagreço toda, mas o bumbum não diminui. O padrão miss é 90 cm de busto, 60 cm de cintura e 90 cm de quadril. Eu me encaixo no resto, mas no quadril não consigo. Ouvi agora sobre o segredo do gesso no bumbum, que enxuga as medidas por algumas horas, mas que depois volta (risos)”, brinca.

Atributos

Isabelle fala inglês, português e espanhol, o que a ajudará bastante no concurso. E outro desafio será justamente se enquadrar nas medidas de miss em maio e, em junho, ter que retornar às pressas para as medidas de item bumbá - esta a maior prioridade da professora. “O concurso vai durar uma semana. Aí é uma semana pra ficar magrinha, depois é correr contra o tempo para ficar forte e ter resistência”, coloca ela, que faz treinamento funcional e que fará um programa de 90 dias para secar o corpo. “Também vou cortar um pouco o cabelo para não ter trabalho na semana do concurso”, coloca.

Nogueira ficará uma semana em Brasília, onde será avaliada continuamente pelos jurados. “Na programação teremos jantares nas embaixadas da Grécia, Japão e Egito”, afirma. Ela diz ainda que tentará levar discos de boi-bumbá para presentear os convidados de fora. “Tem gente que ainda não ouviu falar do Festival Folclórico. Meu foco maior é levar o nome dessa cultura, encher as pessoas de curiosidade e trazê-las para cá, para ouví-las dizer que se impressionaram com a beleza do festival”, comenta.

Frase

“Estou indo representar o Amazonas, mas vou levar mais da cultura do boi mais campeão do festival, sem desmerecer o contrário. Se o concurso nacional resolver testar os talentos das candidatas, eles vão ter um espetáculo de item, um ritual da moça nova”

Isabelle Nogueira, professora

 

Publicidade
Publicidade