Domingo, 17 de Novembro de 2019
Buzz

Ronaldo admite que já tomou Viagra: ‘Foi muito incômodo’

Em entrevista à ‘Playboy’ deste mês, o Fenômeno relembra experiências do tempo de jogador, e revela que não tem a menor intenção de ser técnico



1.jpg Ronaldo Fenômeno
10/06/2014 às 17:40

Ronaldo Fenômeno adimitiu, em entrevista à revista “Playboy” deste mês, que já fez uso do Viagra, remédio criado para tratar a impotência sexual. “Alguns anos atrás, eu tomei para ver como era. Foi muito incômodo. Entope o nariz, sangra. Dá dor de cabeça. Eu não curti. E também não senti grandes diferenças na rigidez. Mas deve ser melhor hoje em dia, né? Se bem que a Paula (Morais, noiva de Ronaldo) me mata se eu tomar um negócio desses”, brinca ele. A informação é do jornal Extra.

Aos 37 anos e pai de quatro filhos, o ex-jogador negou ter qualquer vontade de ser técnico e prefere manter sua atuação fora dos gramados. “Eu não tenho a menor vocação de ser treinador. Nunca serei. É uma missão muito difícil. Eu não aguentaria treinar 25 caras, cada um fazendo uma coisa, dizendo outra... Eu ia dar porrada nesses moleques todos (risos)”.




Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.