Publicidade
Entretenimento
Vida

Roteiro inverso: Caravana do Garantido deixa Parintins com destino à Manaus

Gravação do DVD acontece neste sábado, dia 16, mas o ensaio nesta quinta (14) é aberto a toda a nação vermelha e branca 14/03/2013 às 07:36
Show 1
Parintinenses chegam a Manaus para participar da segunda parte da gravação do DVD do Garantido
Jonas Santos Parintins

A caravana do Garantido com 400 pessoas seguiu nesta quarta-feira (13) no navio Parintins rumo a Manaus, para se integrarem ao show de gravação do DVD e “Red-Ray” do Centenário do boi, que acontecerá neste sábado, dia 16, no Centro de Convenções de Manaus (Sambódromo).

Em clima de festa, a embarcação deixou o cais do porto da cidade às 10h, com previsão de chegada para o final da manhã desta quinta-feira (14) na capital amazonense. A última vez que o “Boi do Povão” mobilizou todo o seu contingente para uma festa em Manaus ocorreu em 1962, quando o Garantido foi convidado pelo então governador Plínio Coelho a participar do Festival Folclórico do Amazonas, no extinto estádio General Osório, no Centro.

Memórias
João Batista Monteverde, filho de Lindolfo o criador do Garantido, esteve nesta viagem. A caravana do boi foi comandada pelo próprio fundador do bumbá. De acordo com João, os brincantes do Garantido viajaram no catamarã da Empresa de Navegação da Amazônia .S.A (Enasa).

“Viajamos com todos os brincantes, batucada, artistas e as tribos. Não tínhamos alegorias naquela época”, recorda. “Em Manaus, nós ficamos hospedados na Praça da Polícia”, acrescenta.

Batista conta que mestre Monteverde adentrou a arena do tabladão do estádio General Osório, acompanhado dos camisas encarnadas, e soltou seu vozerão inigualável: “Boa noite povo amazonense vem ver/ Boi Garantido chegou e serenou/ Fazendo inveja para o povo contrário de azul”.

Eternizado
Os versos de Lindolfo se eternizaram e a toada virou um clássico do festival. “O Garantido foi campeão neste festival. O governador Plínio convidou o Garantido para alegrar a população de Manaus. Foi num evento realizado no fim da ditadura de Getúlio Vargas”, disse Fréd Goés, coordenador da Comissão de Artes da agremiação. Após 51 anos desse feito, o Garantido volta à capital para celebrar o seu centenário com a população manauense.

Em Manaus, os integrantes do Comando Garantido, Batucada, Companhia de Dança, banda oficial, velha guarda, tribos e todos os artistas que formam o corpo do espetáculo ficarão hospedados no próprio navio Parintins, que tem capacidade de transportar 600 passageiros. Serão 24 horas dentro do barco antes da atracação no porto de Manaus, previsto para as 10h desta quinta. Outros componentes viajarão de avião e de lancha expresso.

A movimentação ontem foi intensa na Cidade Garantido, quando os instrumentos de percussão, fantasias, adereços e o boi começaram a ser transportados para dentro do navio Parintins.

Só o boi Garantido assinou contrato de transmissão do Festival Folclórico de Parintins com a TV A CRÍTICA, mas a Rede Calderaro mantém o mesmo tratamento com o boi Caprichoso. A cobertura feita pela RCC na gravação do DVD do Caprichoso foi bastante elogiada pelas rádios da ilha. O radialista Gil Gonçalves, que comanda um matutino na Rádio Clube comentou: “A CRÍTICA está de Parintins, pelo seu profissionalismo. Palmas!”.

Ensaios para a festa quinta e sexta

A três dias da gravação do DVD “Garantido – O Boi do Centenário”, o Movimento Amigos do Garantido (MAG) e a Associação Folclórica Boi Bumba Garantido (AFBBG) fazem os últimos ajustes para o registro histórico da superprodução na capital do Estado. O evento acontecerá neste sábado, dia 16, a partir das 21h, e os ingressos já estão à venda no Sambódromo.

Segundo Rivaldo Pereira, presidente do MAG, os ajustes serão testados em dois grandes ensaios nesta quinta e sexta. Programado para iniciar às 20h, o ensaio desta quinta (14) será aberto ao público, que poderá acompanhar passo a passo o trabalho do corpo artístico no palco. Já o ensaio geral desta sexta (15) será exclusivo para imprensa, convidados e produção audiovisual da festa. “Será uma festa inesquecível. Quem vier aos ensaios de hoje e amanhã poderá sentir o que é o projeto de arena do Garantido 2013”, assegura ele.

Mais de 300 envolvidos
Para a montagem do espetáculo, participam do show mais de 300 pessoas, 250 vindas de Parintins. “Trouxemos toda a ‘Baixa de São José’ para brincar boi em Manaus. Tudo isso para registrar com grande brilho a segunda parte de gravação do DVD ‘Garantido – O Boi do Centenário’ que, diga-se de passagem, foi um sucesso em Parintins”, declara Fréd Goés, presidente da Comissão de Arte do Garantido.

“Registrar o centenário do Garantido também em Manaus é uma forma de reconhecer a importância da capital para o desenvolvimento da festa parintinense”, destaca Telo Pinto , presidente do Garantido.

Desde a década de 1960, quando foi convidado pelo então governador da época para se apresentar no Festival Folclórico do Amazonas, o Garantido não deslocava tanta gente do município à capital do Estado. “É uma caravana grandiosa que irá fazer uma grande festa para unir a galera do Garantido rumo ao título do centenário”, finalizou Pinto.

Os ingressos para a festa vermelha em Manaus custam R$ 25 (pista, com camisa) e R$ 50 (Área VIP, com camisa).


Publicidade
Publicidade