Publicidade
Entretenimento
Buzz

Roy Rosselló diz que Menudos eram ameaçados para não falar sobre abusos aos pais

Roy voltou a falar sobre o assunto na manhã desta segunda (20) no programa "Hoje em Dia", da Record 20/10/2014 às 16:06
Show 1
Roy Rossello participa do programa "Hoje em Dia", da Record
acritica.com ---

O ex-Menudo Roy Rosselló voltou a falar sobre o polêmico abuso sexual que diz ter sofrido na infância, na época que integrava o grupo Menudo. O ex-peão, eliminado de "A Fazenda 7" na última quinta-feira (16), acusou pessoas relacionadas à produção da boy band de acobertar o suposto assédio praticado pelo criador do Menudo, o empresário Edgardo Díaz.

"Os integrantes [do grupo] foram completamente vítimas. E as pessoas que trabalhavam na produção, algumas delas, estavam envolvidas. Eram pessoas que manipulavam e ameaçavam os integrantes", afirmou Roy na manhã desta segunda (20) no programa "Hoje em Dia", da Record.

Assim como havia dito no "Domingo Show", com Geraldo Luís, no último domingo, Roy afirmou que não contou aos pais sobre os abusos para realizar o sonho de dar uma vida melhor à família. "Era uma situação muito complicada. O Edgardo era uma pessoa muito poderosa em Porto Rico, tinha os melhores advogados. O meu sonho era comprar uma casa para minha mãe. Eu dependia desse trabalho e era ameaçado. Se contasse alguma coisa iria sair do grupo. Todo pré-adolescente queria ser um Menudo", declarou. 

*Com informações do UOL.

Publicidade
Publicidade