Publicidade
Entretenimento
Vida

Saúde: Geriatra dá dicas preciosas para a longevidade

O médico Euler Ribeiro diz que se deve comer de tudo um pouco, evitar frituras, drogas e álcool, praticar exercícios e ter um bom sono 26/06/2013 às 10:08
Show 1
De acordo com Euler Ribeiro, segredo para um bom envelhecimento não está só em mudar de hábitos, mas manter os bons hábitos
Ana Celia Ossame ---

Quem começa a se tratar mais cedo tem mais chances de envelhecer com mais saúde, mas para que está na fase adulta, além de uma dieta adequada, a prática de exercícios é fundamental para garantir uma vida saudável, afirma o médico Euler Ribeiro, 71, doutor em geriatria. “Deve-se comer de tudo um pouco, mas evitar drogas e álcool, assim como frituras e comidas semi prontas, fugir do estresse e ter um bom sono”, aconselha.

Estudos realizados pelo instituto Nacional de Câncer (Inca) mostram que atitudes como fumar, consumir baixa quantidade de frutas, legumes e verduras, ingerir álcool e não ter atividade física regular influenciam diretamente no adoecimento da população. Euler vai além e diz que se deve ter cuidado com os pós brancos: açúcar, o sal e o trigo. “Comidas semi prontas são ricas em sal, o que significa problemas para o organismo como a hipertensão.

A necessidade diária de sódio para os seres humanos é de 500mg, e a ingestão de sal é considerada saudável até o limite de 2g (aproximadamente 1/2 colher de café) por dia.

Mas o consumo médio do brasileiro corresponde ao dobro do recomendado, indicam as pesquisas. Já o açúcar, além do risco de engordar, não tem nutrientes e é digerido quase que instantaneamente ao ser ingerido, provocando uma rápida elevação nos níveis de glicemia e otimiza o depósito de gordura nas células.

ENVELHECIMENTO

Às vésperas de completar 72 anos, Euler mantém uma da dieta com peixes, frutas, verduras  e carne vermelha no, máximo, três vezes por mês e grelhada. Outro hábito importante é a prática de exercícios físicos. “Gorduras saturadas entopem as veias e prejudicam a saúde do coração”, afirma. O geriatra recomenda, também, o consumo mínimo de 30 ml de líquidos por cada quilo de peso durante as 24 horas. A hidratação é fundamental, explica ele, lembrando que o segredo para um bom envelhecimento não implica só em mudar de hábitos, mas manter os bons hábitos.

De acordo com o especialista, fundador da Universidaden da Terceira Idade (Unati), na Universidade do Estado do Amazonas (UEA), um estilo de vida saudável é uma das chaves da longevidade. Para ele, está mais do que provado que a adoção desses hábitos, seja em qual for o período da vida, diminui os efeitos negativos da vida moderna, capazes de causar adoecimentos nas pessoas.

Falta tempo para exercícios físicos

Uma das queixas mais comuns das pessoas é a falta de tempo para praticar exercícios físicos. Mas para especialistas, essa justificativa é mais uma desculpa para descuidar da saúde. Pequenas mudanças de hábito, como abrir mão do controle remoto da televisão, preferir as escadas aos elevadores, organizar horários e, até mesmo, atividades do cotidiano, como lavar o carro ou passear com o cachorro, podem contribuir na hora de sair do sedentarismo, incentivam a prática de exercícios e ajudam na busca por uma melhor qualidade de vida. 

O sedentarismo só aumenta o risco de doença coronariana em, pelo menos, uma vez e meia. Já os exercícios diários moderados ajudam a aumentar o tempo de vida em até seis anos. Outro item é sobre os hábitos alimentares.

Publicidade
Publicidade